Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

"Finalmente já mexo os dedos": Marta atingiu mais um objetivo em busca do sonho de voltar a caminhar

Marta já se consegue equilibrar melhor após cirurgia ao pé.
Nelson Rodrigues 28 de Setembro de 2020 às 08:36
Marta ultrapassou mais uma fase da sua longa recuperação. Seguem-se mais sessões de fisioterapia
Marta ultrapassou mais uma fase da sua longa recuperação. Seguem-se mais sessões de fisioterapia FOTO: cmtv
Marta atingiu mais um objetivo. Tudo em busca do sonho de poder voltar a caminhar sozinha. Depois de ter sido operada ao pé direito, em agosto, Marta voltou agora ao Hospital de Santa Maria, no Porto, para retirar os fios de aço de quatro dos dedos. No final não escondia a felicidade. “Finalmente já consigo mexer os dedos”, disse.

Também o cirurgião que operou Marta está confiante de que a ‘menina milagre’, que vive com duas balas alojadas na cabeça, poderá conseguir voltar a caminhar e tornar-se mais independente. “Ela sente-se bem. Quando a vi, ela disse-me logo que já se pode equilibrar. Agora os dedos estão esticados. Antes estavam numa posição em garra. Agora estão normais. Estou muito satisfeito”, referiu Franz Boensch, médico da clínica Paincare.

Por agora, Marta terá de fazer várias sessões de fisioterapia. Depois, em finais de outubro ou novembro, voltará ao bloco operatório para nova cirurgia. Desta vez ao pé esquerdo. Será a 30ª operação de Marta. “Vamos mudar os ossos e a sua postura. Vamos mudar os tendões. E fazer uma transferência. Vai ser a mesma coisa. A Marta já sabe como é o regime ambulatório”, frisou o cirurgião.

Marta tem 26 anos e quer a todo o custo recuperar aquilo que um ex-namorado ciumento lhe roubou, quando a tentou matar, em abril de 2015, numa pastelaria no Pinhão, em Alijó. Além de caminhar quer recuperar a mobilidade das mãos e voltar a falar corretamente.

Todos os pormenores desta história de superação, que tem surpreendido tudo e todos, podem ser acompanhados esta segunda-feira à noite no ‘Investigação CM’.
Marta Hospital de Santa Maria Porto saúde
Ver comentários