Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Infarmed assume "complexidade" no processo de aquisição de vacinas para o coronavírus

"Estamos a trabalhar com os restantes 26 países da UE para que possa haver um procedimento", admitiu o presidente do organismo.
Lusa 29 de Julho de 2020 às 16:19
Vacina coronavírus
Vacina coronavírus FOTO: Getty Images
O presidente da Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed), Rui Santos Ivo, admitiu esta quarta-feira "alguma complexidade" na articulação do processo europeu de aquisição de futuras vacinas para a covid-19, por estas ainda estarem numa fase de desenvolvimento.

"Estamos a trabalhar com os restantes 26 países da União Europeia para que possa haver um procedimento conjunto no sentido de disponibilizar as vacinas a todos os cidadãos. É um processo com alguma complexidade, porque temos de coordenar a fase em que estão as vacinas, as quantidades que vão ser produzidas e as condições em que as diferentes empresas vão disponibilizá-las", afirmou, em declarações prestadas na conferência de imprensa sobre a evolução da pandemia no país.

Segundo Rui Santos Ivo, apesar da urgência internacional no desenvolvimento de uma vacina, esta etapa está "numa fase precoce", pois somente algumas empresas farmacêuticas estão já a avançar para a fase três e a considerar "a apresentação de pedidos de autorização" junto da Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla inglesa). Contudo, garantiu que o Infarmed está envolvido no processo e em articulação com a Direção-Geral da Saúde.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
executivo (governo) governo (sistema) política Rui Santos Ivo Infarmed pandemia coronavírusm vacina covid19
Ver comentários