Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Mangualde terá primeira residência para idosas vítimas de violência doméstica

Deverá entrar em funcionamento até final do ano.
Lusa 27 de Janeiro de 2022 às 09:53
Idosa
Idosa FOTO: Getty Images
A primeira residência destinada a mulheres idosas vítimas de violência doméstica deverá entrar em funcionamento até final do ano, no concelho de Mangualde, disse esta quinta-feira à agência Lusa a secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade.

Segundo Rosa Monteiro, das três Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas (ERPI) destinadas a mulheres vítimas de violência doméstica que estão previstas - num investimento total de mais de quatro milhões de euros (referentes apenas ao edificado) - a de Mangualde é a que se encontra mais avançada, tendo a empreitada sido adjudicada no dia 17.

Além do concelho de Mangualde (Centro), também os de Viana do Castelo (Norte) e de Grândola (Alentejo) vão acolher estas experiências-piloto e receber "mulheres vítimas de violência doméstica idosas em situação de extrema dependência, de todo o país", explicou.

Cidadania Mangualde Lusa Estado Igualdade questões sociais
Ver comentários