Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Marcelo: “Última aula será retrato da minha vida académica”

Presidente da República faz balanço de mais de 40 anos de carreira ao serviço do ensino de Direito.
Diana Ramos e Pedro Galego 20 de Setembro de 2018 às 08:34
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Nos bancos da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, foram milhares os alunos que assistiram às cadeiras lecionadas por Marcelo Rebelo de Sousa, o professor excêntrico e repleto de sentido de humor. Esta quinta-feira, o Chefe de Estado dá a última aula, na qual fará o "balanço" dos mais de 40 anos de carreira.

"A última aula vai ser um retrato da minha vida académica, um balanço do percurso de mais de 40 anos e das mudanças no Mundo, na universidade e na vida durante esse tempo", explicou o Presidente da República.

O Chefe de Estado reconheceu que a aula de sapiência será "muito especial", também porque assinala o início do ano letivo na Universidade de Lisboa. "Espero que seja um pouco mais curta do que o habitual", refere ainda.

Marcelo confessou ao CM, em agosto, que escolheu a data de 20 de setembro para a jubilação "para não tirar proveito do eventual fim da reforma obrigatória aos 70 anos" na Função Pública, uma alteração que o Governo vai aprovar e que o Chefe de Estado teria de promulgar.

O abandono do ensino não significa que Marcelo se recandidate às presidenciais de 2021. Ao CM, em agosto, Marcelo Rebelo de Sousa disse que está "ainda a ponderar essa possibilidade".

Começou ensinar como professor assistente 
A primeira aula de Marcelo teve lugar no ano letivo de 72/73. "Lembro-me perfeitamente, foi uma aula prática de Economia", recordou ontem.

O Chefe de Estado, que faz 70 anos em dezembro, começou a carreira como assistente de Direito Internacional Público e Economia Política.

Primeira lição foi ensinar o papel da Economia 
O Chefe de Estado explicou que, quando começou, "davam mais importância ao Direito do que à Economia". "A minha primeira aula foi para explicar porque é fundamental aos estudantes de Direito darem importância à Economia", detalhou.

Marcelo foi professor de António Costa.

PORMENORES 
Mudança de espaço
A última lição não será dada na Faculdade de Direito, onde Marcelo foi professor. Terá antes lugar na Aula Magna, dado assinalar o arranque do ano letivo.

Alternativa ao ensino
Em agosto, o Chefe de Estado afirmou ao CM que "deixar de lecionar não quer dizer que não possa ser convidado para dar colóquios ou seminários".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)