Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Médica agredida a murro e com puxões de cabelos em Almada

Episódio de violência aconteceu depois de a clínica ter dito à agressora que só teria vaga para consulta no dia seguinte.
Francisca Genésio e Sofia Garcia 24 de Setembro de 2020 às 01:30
Centro de Saúde de Santo António e Laranjeiro serve os utentes dos concelhos de Almada e do Seixal
Centro de Saúde de Santo António e Laranjeiro serve os utentes dos concelhos de Almada e do Seixal FOTO: direitos reservadis
Uma médica de família, de 52 anos, do Centro de Saúde de Santo António e Laranjeiro, que serve os concelhos de Almada e do Seixal, foi esta quarta-feira de manhã agredida por uma utente. O episódio de violência aconteceu às 09h45, durante a triagem aos doentes que têm consulta agendada e aos que querem ser atendidos sem marcação, um serviço implementado devido à Covid-19.

A agressora não tinha consulta marcada e exigia ser atendida no próprio dia. A violência começou quando a médica a informou de que só teria vaga na quinta-feira (hoje). Uma versão contrária à que a agressora contou às autoridades, que se deslocaram ao local. Segundo a mulher, de 39 anos, a médica terá proferido insultos contra si. Acabou por responder à pancada: agrediu a clínica com murros e puxões de cabelos, partindo-lhe os óculos.

O Comando Distrital de Setúbal da PSP confirmou ao CM o episódio de violência e avançou que, apesar de ter sido identificada pelos agentes da esquadra da PSP do Laranjeiro, a agressora não foi detida. Foi feito, no entanto, um expediente para entregar ao Ministério Público. “Infelizmente, são episódios recorrentes neste centro de saúde. Por várias vezes já pedimos um reforço das medidas de segurança, sobretudo quando as agressões a médicos não são crime público”, critica Roque da Cunha, secretário-geral do Sindicato Independente dos Médicos. Para a Federação Nacional dos Médicos, importa que o Governo tome medidas preventivas já que o grau de insatisfação dos utentes, perante a pandemia, vai aumentar.
Ver comentários