Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Menos 90 mil exames nacionais por causa da Covid-19

Haverá só 254 mil provas porque a pandemia acabou com exames para concluir Secundário.
Bernardo Esteves 20 de Junho de 2020 às 09:44
Manuel Heitor avisa para perda de acreditação
Manuel Heitor avisa para perda de acreditação FOTO: João Cortesão
As novas regras adotadas por causa da pandemia reduziram muito o número de alunos inscritos e de provas a realizar este ano na primeira fase dos exames nacionais do Ensino Secundário, que começa já a 6 de julho.

Estão previstas 254 865 provas, menos 87 705 do que o ano passado, enquanto o número de alunos inscritos este ano é de 151 530, menos 8310 do que em 2019.

O regime de exceção introduzido pelo Governo faz com que este ano os exames nacionais não sejam um requisito obrigatório para a conclusão do Secundário. Apenas as notas internas atribuídas pelos professores determinam as classificações dos alunos.

É por isso que nos dados do Júri Nacional de Exames, revelados ontem pelo Ministério da Educação (ME), 91% dos estudantes se inscrevem para concorrer ao Ensino Superior, restando 9% para provas de equivalência à frequência. O ano passado, o objetivo da maioria era concluir o Secundário.

Os dados do ME indicam também que só 55% dos alunos são candidatos ao Superior este ano, uma vez que os alunos do 11º ano que realizam provas não concorrem já em 2020. Português deixa também de ser a prova mais realizada, uma vez que não será obrigatória para todos os finalistas. Apenas 558 inscrições são provenientes do ensino profissional.

Ministro garante ensino presencial
Manuel Heitor, ministro da Ciência e do Ensino Superior, garantiu que a partir de setembro o ensino será "presencial", lembrando que foram essas as "condições para as quais os cursos foram acreditados". "Se não for assim os cursos perdem a acreditação", avisou, frisando que já foi revogado o estado de emergência que obrigou ao ensino à distância. O ministro apelou ao desdobramento de horários por causa dos transportes públicos.
Covid-19 Ensino Secundário Ensino Superior questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)