Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Morreram 128 idosos dos 35 mil que vivem nos lares das Misericórdias

Número de mortes representa 0,4% do total de utentes que vivem naquelas estruturas residenciais.
Lusa 27 de Maio de 2020 às 14:42
Coronavírus
Coronavírus FOTO: Lusa
O presidente da União das Misericórdias Portuguesas (UMP) revelou hoje que morreram 128 idosos por covid-19 nos lares da instituição, o que representa 0,4% do total de utentes que vivem naquelas estruturas residenciais.

"Os resultados são muito bons. Até ao momento, nos lares da cooperação tivemos 128 óbitos por covid-19, o que, num universo de cerca de 35 mil utentes, representa 0,4% do total, sendo que os números da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade são muito parecidos", revelou Manuel Lemos, após uma reunião com o primeiro-ministro na qual foram discutidas futuras medidas para o setor social.

Manuel Lemos disse também que o sistema de visitas aos lares de idosos, que voltaram a ser permitidas a partir de 18 de maio, "está a funcionar com segurança e com cuidado", mostrando que "mais uma vez o setor social está a responder às necessidades das populações".

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Misericórdias UMP Manuel Lemos questões sociais coronavírus covid-19
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)