Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Números da pandemia de coronavírus em Portugal mostram País no planalto

Variações pouco significativas ao longo dos últimos dias indiciam que a próxima fase poderá ser a de uma curva descendente.
Paulo João Santos 8 de Abril de 2020 às 01:30
Direção-Geral da Saúde faz balanço diário da situação da Covid-19 em Portugal e traça possíveis cenários
Direção-Geral da Saúde faz balanço diário da situação da Covid-19 em Portugal e traça possíveis cenários FOTO: Miguel A. Lopes
Mantém-se a tendência registada nos últimos dias, quer ao nível do número de infetados, quer no que diz respeito às vítimas mortais. Ligeiras variações, que vão consolidando a ideia que que o País está no planalto, nunca tendo atingido propriamente um pico.

É a análise da curva da doença que permite olhar o futuro próximo com otimismo moderado. Se é verdade que ninguém sabe ao certo quando é que o número de infetados e de mortos vai entrar em curva descendente, os casos registados ao longo dos últimos dias indiciam que Portugal escapará ao cenário aterrador vivido na vizinha Espanha, em Itália, França ou nos EUA.

A confirmarem-se as melhores expectativas, é provável que, como afirmou esta terça-feira o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a liberdade chegue em maio.

Os próximos dias serão decisivos para avaliar se será possível, ou não, o início do regresso à normalidade nos primeiros dias de maio, ainda a tempo de permitir que pelos menos alguns alunos tenham aulas presenciais no terceiro período.

Quanto aos números desta terça-feira, de notar o facto de ainda não se ter registado qualquer óbito em pacientes abaixo dos 40 anos, concentrando-se o número de vítimas mortais na faixa etária a partir dos 70 anos e crescendo substancialmente após os 80 anos.

Febre e tosse são os principais sintomas da doença, ainda que não os únicos. Há mais de mil pessoas internadas, entre os 12 442 casos confirmados.

DGS não sabe tempo de resposta
A Direção-Geral da Saúde desconhece o tempo médio de resposta entre a realização dos testes de despiste da Covid-19 e a comunicação do resultado ao utente, reconheceu ontem o subdiretor-geral da Saúde, Diogo Cruz.

1435 profissionais da saúde infetados
A pandemia de Covid-19 infetou 1435 profissionais de saúde em Portugal, dos quais 240 são médicos, 370 enfermeiros e os restantes 825 casos dizem respeito a assistentes operacionais e administrativos.
Portugal País Covid-19 saúde questões sociais doenças coronavirus
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)