Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Odemira cria medidas de apoio às famílias, instituições e empresas

Dois milhões de euros para minimizar os efeitos da crise no concelho.
Joaquim Bernardo 1 de Abril de 2020 às 15:36
Odemira cria medidas de apoio às famílias, instituições e empresas
Odemira cria medidas de apoio às famílias, instituições e empresas
José Alberto Guerreiro
Odemira cria medidas de apoio às famílias, instituições e empresas
Odemira cria medidas de apoio às famílias, instituições e empresas
José Alberto Guerreiro
Odemira cria medidas de apoio às famílias, instituições e empresas
Odemira cria medidas de apoio às famílias, instituições e empresas
José Alberto Guerreiro

A constituição de um fundo de emergência e apoio social dirigido às famílias é uma das 15 medidas anunciadas hoje pela Câmara Municipal de Odemira para fazer face às dificuldades vividas no concelho devido ao Covid-19.

Este conjunto de medidas extraordinárias, que no seu total ascende ao valor de 2 milhões de euros, é dirigido às famílias, instituições e empresas do concelho.

Entre as medidas consta a constituição de um fundo de emergência e apoio social dirigido às famílias, para fazer face à diminuição dos rendimentos dos agregados familiares, no valor global de 500 mil euros, a redução de 50% do valor da fatura da água nos meses de abril a julho de 2020, no valor estimado de 520 mil euros a todos os consumidores domésticos e não-domésticos, no caso de empresas enquadradas no anexo I do Decreto n.º 2-A/2020 ou que tenham encerrado, mediante apresentação de comprovativo da respetiva Junta de Freguesia.

As IPSS vão receber um apoio de 180 mil euros e ainda a isenção do pagamento da fatura dos serviços de água, águas residuais e resíduos nos meses de abril a julho, fornecimento de equipamentos de proteção individual e garantia da continuidade dos apoios técnico e financeiro nas obras de ampliação e beneficiação, no âmbito do Portugal 2020.

As Associações de Bombeiros de Odemira e de Vila Nova de Milfontes, vão receber um apoio de 125 mil euros e isenção do pagamento da fatura dos serviços de água, águas residuais e resíduos nos meses de abril a julho e fornecimento de equipamentos de proteção individual.

A autarquia suspendeu também o pagamento de rendas dos estabelecimentos comerciais, quiosques, bancas do Mercado Municipal ou similares e do Ninho de Empresas, entre 1 de março e 30 de junho, no valor global de 12.500 euros.

O município decidiu ainda reforçar com 750 mil euros, e como alargamento a todo o território, as medidas do Programa Municipal de Empreendedorismo e Emprego – Odemira Empreende.

A autarquia garante aos agentes culturais, desportivos e sociais, o pagamento integral dos compromissos assumidos e programados, no âmbito do Programa de Apoio ao Associativismo Cultural e Recreativo, Prémios de Atividade Desportiva e Sinergias Sociais, promovendo a recalendarização e execução das atividades até 31 de dezembro de 2020.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)