Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Plástico de uso único proibido em Portugal já em julho

Diretiva da União Europeia aprovada em 2019 arranca dentro de um mês.
Correio da Manhã 5 de Junho de 2021 às 16:31
Cotonetes
Cotonetes FOTO: Getty Images
A diretiva da União Europeia aprovada em 2019 que proíbia a venda de produtos de plástico de utilização única, como pratos, talheres, cotonetes, palhinhas, agitadores de bebidas, varas para balões, recipientes para alimentos e bebidas feitos de poliestireno expandido, vai arrancar já em julho. 

Estava prevista que esta proibição começasse em 2020, no entanto, a pandemia veio travar esta medida e adiá-la até agora. 

Em maio de 2019, o ministro do ambiente tinha dito que os objetivos do Plano de Ação para a Economia Circular se mantinham, apesar da "pausa" devido à pandemia de Covid-19.

Na altura Matos Fernandes afirmou que se mantinham as medidas previstas para 2020, como a proibição de produtos de plástico de uso único (como pratos, talheres, palhinhas ou cotonetes), antecipando-se à UE a diretiva nessa matéria, no entanto tal não se veio a verificar.

União Europeia Portugal economia negócios e finanças indústria transformadora
Ver comentários