Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Região Norte oferece vacinação contra a gripe à população após sobras de vacinas

Centros de Saúde estão a convidar a população no geral a tomar a vacina grátis.
Francisca Genésio e Vanessa Fidalgo 6 de Janeiro de 2021 às 01:30
Vacina da gripe
Vacina da gripe FOTO: CMTV
Os Centros de Saúde da região Norte do País estão a oferecer a vacina contra a gripe à população no geral. Todos estão a ser convidados para tomar a vacina - mesmo quem não integra os grupos com direito à imunidade grátis, como pessoas de 65 ou mais anos.

Em causa está o facto de a Administração Regional de Saúde do Norte (ARS Norte) só ter recebido a tranche com mais de 112 mil doses durante o mês de dezembro - um mês depois do prazo estipulado. No princípio de novembro, as queixas pela falta da vacina eram muitas. O adiamento consecutivo da toma causou revolta nos utentes. Muitos acabaram por recorrer às farmácias, situação que justifica o facto de agora sobrarem vacinas nos Centros de Saúde. Para não haver desperdício de imunidade, as doses estão a ser distribuídas à população.

Além das 500 mil doses que adquiriram, as farmácias tiveram um contingente de 150 mil fornecidas pelo Serviço Nacional de Saúde para vacinar grupos prioritários. 

O CM confrontou a Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a situação, uma vez que ainda existem grupos de risco por vacinar noutras zonas do País, assim como a ARS, mas apenas a DGS respondeu. Garante que a vacinação ainda decorre e esclarece que "existem mecanismos para redistribuição".

PORMENORES
Sem receita médica
A campanha de vacinação do SNS arrancou a 28 de setembro. A segunda fase, iniciou-se a 9 de outubro. A vacinação decorre nos Centros de Saúde e farmácias. Para ser vacinado nas farmácias não é necessária receita médica.

2,1 milhões de doses
Marcelo Rebelo de Sousa, António Costa, Marta Temido e Graça Freitas apelaram à vacinação de todos os portugueses, embora o País só tenha comprado 2,1 milhões de doses, não chegando sequer para os grupos de risco.

Marcelo acusou Temido de enganar
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, acusou a ministra da Saúde, Marta Temido, de enganar os portugueses quando garantiu que haveria vacinas contra a gripe para todos os portugueses. A titular da pasta da Saúde remeteu-se ao silêncio mas o marido, Jorge Simões, acabou por reagir na rede social Facebook, atacando o Chefe de Estado. Acusou-o de "faltar à verdade" e lembrou que a vacina "nunca foi universal".

Penafiel com 900 doses em dezembro
Há vários Centros de Saúde com stock de vacinas. O Agrupamento de Centros de Saúde do Tâmega II, em Penafiel, tinha, no final de dezembro, cerca de 900 doses. A Unidade de Saúde Familiar de Torrão, Lousada, anunciou, no Facebook, a 22 de dezembro, ainda ter stock.
Ver comentários