Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Pelo menos 50 infetados com Covid-19 em surto associado a discoteca de Coimbra

ARS do Centro admite que casos de infeção poderão estar relacionados com a variante Ómicron.
Mário Freire 23 de Dezembro de 2021 às 12:06
Festa organizada em rua de bairro
Festa organizada em rua de bairro FOTO: Direitos Reservados
A Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC) afirmou esta quinta-feira ao CM que foram já identificados 50 casos de covid-19 em jovens entre os 16 e os 18 anos, num surto associado a uma discoteca de Coimbra. Ao que o CM apurou, trata-se do espaço NB Club, que no fim de semana teve festas temáticas de Natal com largas dezenas de jovens no espaço.

Os casos começaram a ser detetados na terça-feira pela Unidade de Saúde Pública do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Mondego, que identificou jovens infetados "que frequentaram o mesmo evento num espaço de diversão noturna do concelho de Coimbra", disse a ARSC, em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

"Dada a atividade em questão, de grande proximidade e em espaço fechado com intensa interação durante várias horas, os casos iniciais geraram casos secundários, alguns estendendo-se a outros concelhos do distrito de Coimbra", acrescentou.

Segundo a ARSC, até ao momento, já foram identificados 50 casos, todos com "sintomatologia ligeira, sem necessidade de internamento".

A ARSC admite ao CM que os casos detetados poderão dever-se à nova variante Ómicron.

"Estão a ser tomadas todas as medidas de prevenção, nomeadamente a realização de testes para diagnóstico, isolamento dos casos e dos seus contactos de alto risco, com vista à interrupção das cadeias de transmissão", frisou.

De acordo com a entidade, face às características do surto, que terá "grande transmissibilidade", a investigação prossegue para "monitorização do evento".

Covid-19 Coimbra saúde questões sociais doenças
Ver comentários