Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

TAP na China deverá acontecer "naturalmente a médio prazo"

É uma convicção que é muito minha", avançou o presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho.
Lusa 10 de Dezembro de 2019 às 17:55
Presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho
Presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho FOTO: Duarte Roriz
O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, afirmou esta terça-feira ter a convicção de que a companhia de bandeira deverá voar para a China "naturalmente a médio prazo".

"É uma convicção que é muito minha. Como sabe, no passado fui presidente da AICEP [Agência de Investimento e Comércio Externo de Portugal], sei bem o dinamismo que a Ásia tem, e nomeadamente que a China tem. Não disse que é uma coisa que é para amanhã, é uma coisa que eu penso que naturalmente irá acontecer a médio prazo", disse o responsável aos jornalistas.

Miguel Frasquilho falava à margem do Shopping Tourism and Economy Summit, que decorreu esta terça-feira num hotel em Lisboa.

China TAP Miguel Frasquilho economia negócios e finanças economia (geral)
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)