Japão Pequim China Tóquio economia negócios e finanças política diplomacia ajuda externa covid19 coronavírus pandemia produção