Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
9

Amazon contrata empresa de espionagem e é acusada de espiar trabalhadores

Gigante da Internet é acusada de espiar os trabalhadores que se tentam sindicalizar.
Correio da Manhã 24 de Novembro de 2020 às 21:36
Amazon
Amazon FOTO: Getty
A Amazon terá contratado detetives da agência Pinkerton para espiar os trabalhadores de armazéns e controlar aqueles que se queiram sidicalizar, segundo avança a Motherboard.

Um portavoz da Amazon confirmou que a empresa recrutou trabalhadores da Pinkerton, agência de espionagem. Os espiões terão sido enviados para um armazém em Wroclaw, na Polónia, em 2019. O objetivo era investigar a suspeita de que candidatos a empregos estariam a ser treinados para entrevistas de emprego.

Em declarações à Business Insider, Lisa Levandowski, uma portavoz da empresa, desmentiu que a parceria com a empresa Pinkerton tivesse como objetivo espiar os trabalhadores. A portavoz revelou que recorreu à empresa para "garantir a segurança das encomendas de maior valor".
Pinkerton Motherboard Amazon trabalho
Ver comentários