Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
1

Apple desvenda iPhone rosa

Apple TV foi o produto com maiores novidades.
Joana de Sales 9 de Setembro de 2015 às 22:03
Um modelo rosa é uma das principais novidades do iPhone 6S
Um modelo rosa é uma das principais novidades do iPhone 6S FOTO: D.R.

Os novos iPhone não são uma grande surpresa mas a apresentação desta quarta-feira mostra algumas mudanças. Os dois modelos, 6S e S6 Plus, trazem uma nova câmara iSight de 12MP e uma frontal de 5MP. Também os vídeos 4K são uma aposta da marca nestes dispositivos.

As fotografias têm em si uma novidade também: uma simples foto é transformada num mini-vídeo, de alguns segundos, que reproduz automaticamente no rolo da câmara.

3D Touch é uma das poucas funcionalidades completamente novas. Este permite fazer determinadas ações com diferentes tipos de pressão no ecrã. Por exemplo, pode abrir-se atalhos para as apps no ecrã principal ao tocar com mais força no ícone ou eliminar um email por pressionar e deslizar para a esquerda, sem sair da caixa de entrada.


Os iPhone 6S estão equipados com um chip A9, que entrega gráficos 90% mais rápido, e um TouchID também mais eficaz do que o antecessor.

Para facilitar a mudança de dispositivos Android para o iPhone, a marca da maçã lançou ainda uma app que ajuda nesse processo.

Além das cores habituais, a Apple revelou ainda um modelo rosa dourado, para agradar ao público feminino.

Portugal não está incluído nos primeiros países que vão ter os modelos 6S disponíveis, já a 26 de setembro, mas as pré-encomendas começam no dia 12. A data de chegada às lojas portuguesas ainda não foi revelada.

O modelo base começa nos 16GB. Em contratos de dois anos, nos EUA, o iPhone 6S de 16G começa nos 199 dólares (177 euros) e o 6S Plus nos 299 dólares (267 euros). O modelo mais caro, o 6S Plus de 128GB, vai custar 499 dólares (446 euros).

iPad Pro em destaque
A aposta da marca da maçã para o setor empresarial é um tablet de 12.9 polegadas com um ecrã que tem 5.6 milhões de pixéis. 

O iPad Pro traz um chip A9X, uma bateria que aguenta até 10 horas de funcionamento, câmara 8MP iSight, câmara FaceTime HD e touchID. Este vai ainda ter a capacidade de divisão de ecrã em dois - ajudando na realização de várias tarefas ao mesmo tempo.

A juntar a este dispositivo foram apresentados dois acessórios: um teclado e uma caneta, a Apple Pencil.


Estas novidades mostram a aposta da Apple num híbrido, à semelhança do Surface Pro da Microsoft.

novo iPad Air 4 recebeu apenas uma nota rápida durante a apresentação. Vai ter a potência do Air 2, mas numa versão mais pequena, e vai custar 399 dólares (356 euros).

O preço do iPad Pro começa nos 799 dólares (714 euros), com 32GB e A caneta vai custar 99 dólares (88 euros) e o teclado 169 dólares (151 euros) e todos os produtos deverão chegar às lojas em novembro.

Uma TV que quer ser tudo
"O futuro of TV são as apps". Foi assim Tim Cook começou a apresentação da Apple TV, que traz uma interface renovada.

Esta vai ter uma nova box e um comando com uma superfície touch, para facilitar a interação, que funciona por Bluetooth, tem controlos de volume e acelerómetro.

Nesta área, a Siri é também a grande novidade, chegando agora à televisão. Perguntem à Siri a meio de uma série ou filme "O que é que ele disse?" e ela anda 15 segundos para trás no vídeo. Pode também perguntar o resultado de um jogo ou a meteorelogia, que surge logo uma barra no ecrã com a informação, sem parar o vídeo que está a reproduzir.

As apps da Apple foram também redesenhadas para a televisão e algumas externas vão chegar ao dispositivo, como a Airbnb e o Guitar Hero.

A Apple mostrou ainda interesse em tornar a sua TV numa consola de videojogos, existindo até alguns que permitem uma continuidade entre tv, iPhone e iPad.

A nova Apple TV vai custar 149 dólares (133 euros) pela versão 32GB e 199 pela de 64GB. Vai estar disponível em 20 países em outubro e 100 até ao final do ano.

Apple Watch sem grandes surpresas
A novidade mais relevante sobre o relógio da maçã não é sobre o relógio em si. Tim Cook anunciou que o Facebook Messenger vai chegar ao dispositivo, algo muito esperado pelos utilizadores. 

O Apple Watch vai ter novos modelos, incluindo uma parceria com a Hermes, mas que não trazem grandes alterações ao existente para além de novidades ao nível das braceletes, e também um novo sistema operativo, o Watch OS 2.

Entre os novos modelos, que chegam às lojas a 16 de setembro, está o modelo Sport RED, cujas receitas vão ajudar no combate contra a SIDA. 

O que ficou de fora
Num evento que deu destaque a quase todos os produtos e serviços da Apple, só aqueles que tiveram novidades recentes é que não foram mencionados, ou seja, os iMac, MacBook e iPod.

Estes dispositivos ficaram de fora da apresentação realizada esta quarta-feira, em São Francisco, EUA.

Nota: Os preços apresentados são os praticados nos EUA, com conversão direta para euros. Não é certo que sejam estes os preços que serão praticados em Portugal.
Apple evento marca da maçã iPhone iPhone 6S iPad iPad Pro iPad mini Apple TV iOS Siri Apple Watch Watch OS
Ver comentários