Barra Cofina

Correio da Manhã

Tecnologia
3

Virgin Galactic quer criar avião comercial supersónico mais rápido que o Concorde

Se tudo correr como previsto este avião pode atingir uma velocidade de Mach 3, cerca de 3.600 km/h.
Correio da Manhã 4 de Agosto de 2020 às 16:55

A Virgin Galactic, que ainda recentemente revelou a cabine da SpaceShip Two, a sua nave para turismo espacial, vai juntar-se à Rolls-Royce para criar um avião comercial supersónico mais rápido que o mítico Concorde.

Conhecido – de forma provisória – pela designação Mach 3, numa referência à velocidade máxima que será capaz de atingir, este avião supersónico da Virgin Galactic pode chegar aos 3.600 km/h, deixando para trás o máximo conseguido pelo Concorde: Mach 2,04, cerca de 2.500 km/h.

De acordo com a empresa, este "super avião" será desenhado para transportar entre 9 a 12 passageiros, um número bem longe dos 128 ocupantes que o Concorde podia transportar. Com uma capacidade tão limitada, será de esperar um transporte ao alcance de muito poucos.

Mas até lá ainda há um longo percurso pela frente, com a Virgin Galactic e a Rolls-Royce a precisarem de resolver alguns dos problemas que ditaram o fim de vida do Concorde: lidar com o ruído de um avião supersónico e encontrar uma forma de o tornar rentável.

Para a Virgin Galactic, esta também será uma forma de encontrar e desenvolver novas tecnologias que também possam ser usadas em aviões comerciais no futuro, mas importa lembrar que a empresa do grupo Virgin, fundado por Richard Branson, não está sozinha nesta corrida. No ano passado as agências espaciais da Austrália e do Reino Unido deram a conhecer o projeto de um avião supersónico que promete fazer Sidnei-Londres em apenas quatro horas. Esperam que esteja pronto na próxima década.

Virgin Galactic Concorde Rolls-Royce Avião
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)