Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
8

Fortuna de Jeff Bezos já supera os 168 mil milhões

Presidente da Amazon está mais rico do que nunca. Ações dispararam nos últimos meses devido à procura de produtos online.
Vânia Nunes 31 de Agosto de 2020 às 08:38
Jeff Bezos é CEO da Amazon, a segunda empresa mais valiosa do Mundo
Jeff Bezos é CEO da Amazon, a segunda empresa mais valiosa do Mundo FOTO: Getty Images
Jeff Bezos atingiu mais um patamar no que toca à sua conta bancária: tornou-se a primeira pessoa no Mundo com uma fortuna de mais de 200 mil milhões de dólares (168 mil milhões de euros).

O património do CEO da Amazon tem disparado nos últimos tempos devido à subida do valor das ações da gigante tecnológica, que em abril atingiu máximos históricos devido ao aumento exponencial na procura pelos produtos da loja online.

A riqueza de Bezos reflete assim a alteração nos padrões de consumo devido à pandemia. Este ano, as ações da empresa subiram 86%, tornando-a a segunda mais valiosa do Mundo, com uma capitalização de mercado de 1,4 biliões de euros. A Apple mantém-se em destaque e vale mais de 1,7 biliões.

Bezos tornou-se o homem mais rico do Mundo em 2017 e mantém o lugar até hoje. No segundo ano, conquistou um novo recorde: tornou-se o homem mais rico de sempre, com um património superior a 126 mil milhões de euros.

Segundo a ‘Forbes’, Bill Gates, o fundador da Microsoft, mantém o segundo lugar da tabela, com uma riqueza pessoal de mais de 99,537 mil milhões de euros. Bernard Arnault ocupa o terceiro lugar no ranking mundial, com 97,420 mil milhões de euros.

O líder da Tesla, Elon Musk, também tem visto a sua fortuna subir a pique e, na semana passada, atingiu o patamar dos 100 mil milhões de dólares (84 mil milhões de euros).
Fortuna de Jeff Bezos Mundo economia negócios e finanças economia (geral) mercado e câmbios
Ver comentários