Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
3

Tradutores com cortes de 54%

RTP pagava 65 euros por programa. Agora, passa a pagar 30 euros
14 de Maio de 2013 às 01:00

A RTP concluiu a renegociação dos contratos dos seus intérpretes de língua gestual, que terminaram em dezembro de 2012. Ao que o CM apurou, a empresa pública vai avançar com um corte de 54% nos valores pagos. Ou seja, 30 euros por programa, ao invés dos atuais 65 euros.

O acordo foi fechado depois de uma das quatro empresas que trabalha com a estação pública ter aceitado o valor proposto pela administração. A contraproposta das restantes três empresas – que defendiam 50 euros – caiu por terra, tendo estas de dizer sim aos termos do entendimento.

Alarga-se assim a diferença entre os valores pagos pela RTP e pelas estações privadas. A SIC e a TVI, sabe o CM, pagam aos seus tradutores cerca de 100 euros por programa.

Contactada, a RTP recusou se a fazer qualquer comentário.

A situação está a preocupar os profissionais da área. "As condições dos intérpretes são precárias e este valor é inadmissível", diz Joana Sousa, da Associação Nacional e Profissional de Interpretação da Língua Gestual. No total, são 10 os colaboradores que a estação tem nesta área.

Recorde-se que, desde o início do ano, a televisão pública tem vindo a reforçar a aposta na transmissão de programas com tradução em língua gestual. O ‘Jornal da Tarde’, da RTP 1, por exemplo, é emitido, desde março, em língua gestual. Já a RTP 2 criou um espaço específico para os espectadores com deficiências auditivas, no qual repõe programas emitidos pela RTP 1 com tradução simultânea.

tradutores cortes sic tvi língua gestual ordenado
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)