Barra Cofina

O exercício físico pode unir a família: conheça as atividades que todos podem praticar

Fazer exercício com o núcleo familiar ajuda a promover melhores hábitos alimentares e aumenta a sensação de bem-estar físico.
Por Ana Maria Ribeiro 9 de Agosto de 2020 às 01:30
Exercício pode unir a família
João Brajal, treinador pessoal, já treinou famílias
Exercício pode unir a família
Exercício pode unir a família
Natação é agradável no mar e na piscina
Exercício pode unir a família
João Brajal, treinador pessoal, já treinou famílias
Exercício pode unir a família
Exercício pode unir a família
Natação é agradável no mar e na piscina
Exercício pode unir a família
João Brajal, treinador pessoal, já treinou famílias
Exercício pode unir a família
Exercício pode unir a família
Natação é agradável no mar e na piscina
Os bons hábitos ganham-se em família. Pais que praticam exercício físico têm ‘moral’ para o aconselharem aos filhos. Pelo contrário, se passarem o tempo livre sentados no sofá, que exemplo é que estarão a dar?

Agora que o pico do verão está aí – e parece haver mais tempo para tudo –, é o momento ideal para dar início a uma atividade física e juntar os mais novos à festa. Se houver avós em casa, melhor ainda. Os benefícios de fazer exercício em conjunto são inúmeros, a começar pelo incremento da saúde e do bem-estar físico. De acordo com um estudo coordenado pelo Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge, a prevalência da obesidade infantil tem estado a aumentar de ano para ano e em 2019 atingiu níveis preocupantes. No ano passado, 15,3% das crianças de oito anos eram obesas no nosso país, e, dessas, 5,4% tinham obesidade severa.

Andar de bicicleta, fazer caminhadas, praticar natação, vólei de praia ou até uma arte marcial são atividades que a família pode desenvolver em conjunto, com a certeza de que, depois de suarem todos juntos, vão sentir-se mais unidos do que antes. Conte com o tempo despendido com o exercício como um tempo de grande qualidade para a família, algo que irá aumentar a cumplicidade e o espírito de entreajuda entre todos.

João Brajal, treinador pessoal, já treinou famílias
CM – É abordado para dirigir treinos em família?
–Acontece bastante, sim. E cada vez mais. Normalmente por pressão de um dos membros da família, que tenta levar os outros a fazerem o mesmo. Sentindo os benefícios para eles próprios, querem que os outros os sintam também.

– A principal motivação é a promoção da saúde?
– Depende da faixa etária com que estamos a lidar. Os mais velhos normalmente focam-se na questão da saúde, os mais jovens focam-se na estética. Sobretudo na adolescência.

– É mais fácil ou mais difícil treinar em família?
– Treinar em família torna tudo muito mais simples. É mais fácil transformar as nossas rotinas em hábitos mais saudáveis quando todas as pessoas estão unidas pelos mesmos objetivos. Isso é verdade tanto para o exercício como para a alimentação.

nem todas as atividades são apropriadas

A musculação é uma das atividades que não se recomendam aos mais jovens e por isso não são das melhores para a família. Segundo o treinador pessoal João Brajal, “não há benefício algum, para uma criança em fase de crescimento, trabalhar com cargas elevadas”. “Há maiores benefícios em apostar em desportos coletivos”, diz.

Crianças não devem levantar grandes cargas de peso

O bom tempo convida a desfrutar das atividades ao ar livre, pelo que o verão é ideal para fazer desportos na praia. No inverno, opte pelas artes marciais ou pela dança.

Relacionadas
Notícias Recomendadas
Família

Histórias de infidelidade em tempos de Covid-19

Na vida em casal, a convivência permanente pode ocasionar uma série de intempéries, à partida nada que não se resolva ou assim garantem os especialistas. O problema é quando o tal infortúnio veste o nome de infidelidade. Como lidar como uma traição que tem de ser gerida entre as quatro paredes de uma casa, e sem qualquer tipo de escape?

Menopausa

Fátima Lopes: “Cabe a nós mulheres, falarmos com orgulho da menopausa”

“Estou com a menopausa, e agora?”. De acordo com especialistas, esta é a questão que mais mulheres levantam quando se deparam com aquela nova fase das suas vidas. Em Mulheres sem Pausa, conversa-se acerca da Menopausa de forma descomprometida, sem receios ou preconceitos. Tal como deve ser.