Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais C-Studio
Especiais C-Studio
i
C- Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do Universo
É o local onde as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Olhão: ilhas com mar e areal a perder de vista

A Ria Formosa dá o mote a um concelho que tem ainda nas suas ilhas, nas praias e na própria cidade motivos de sobra para uns dias bem passados.
17 de Agosto de 2020 às 17:31

O concelho de Olhão convida ao descanso, em segurança, nas suas praias localizadas nas ilhas da Armona e da Fuzeta, onde não falta espaço para o necessário distanciamento social.

São praias privilegiadas em termos de localização, qualidade e beleza, com areais imensos a perder de vista. Armona Ria, Armona Mar, Fuzeta Ria e Fuzeta Mar representam o paraíso e a tranquilidade bem perto do rebuliço próprio do mês de agosto no Algarve.

Situadas em pleno coração do Parque Natural da Ria Formosa (PNRF), estas ilhas estão localizadas no centro da região algarvia e contam com boas acessibilidades de barco. É aqui, no concelho de Olhão, que se situa a sede do PNRF, em que a proteção dos seus valores naturais é primordial.

Olhão, concelho ‘debruçado’ sobre a Ria Formosa – uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal – vive da ria e para a ria. A pesca e a indústria conserveira são disso exemplo.

Ali bem perto, junto à zona ribeirinha da cidade, estende-se a Avenida 5 de Outubro, com vista panorâmica sobre a Ria Formosa e a arquitetura única da cidade cubista.

Nesta zona, é indispensável conhecer os inúmeros restaurantes, nos quais se confecionam os deliciosos pratos típicos locais e da região que atraem centenas de apreciadores diariamente, assim como as suas esplêndidas esplanadas e a intensa vida noturna. É, por estes motivos, uma das zonas nobres da cidade, à qual apetece sempre voltar.

Outro dos atrativos desta zona são os mercados do peixe e das hortaliças, estrategicamente localizados nesta avenida sobranceira à Ria Formosa. É um dos centros de dinamismo da cidade olhanense, sempre com a ria como pano de fundo.

E não se esqueça…

…de que o folar de Olhão foi considerado uma das 7 Maravilhas Doces de Portugal, assumindo-se como mais uma boa razão para visitar o concelho nesta época de verão.

Algarve