Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Eleições: Mota Soares (CDS) acusa esquerda de querer "pôr em causa" o Presidente

Lusa 25 de Setembro de 2019 às 22:10

O deputado do CDS-PP Mota Soares acusou hoje a esquerda de querer "pôr em causa" a função do Presidente, que seria uma "espécie de rainha de Inglaterra" se os partidos de esquerda tivessem dois terços no parlamento.

"Uma maioria absoluta do PS e de dois terços da esquerda" nas legislativas de 06 de outubro tornariam Marcelo Rebelo de Sousa "numa espécie de rainha de Inglaterra", quando o Presidente "tem um papel muito importante como equilibrador do sistema", disse Pedro Mota Soares numa ação de campanha eleitoral dos centristas na cidade de Viseu.

Corroborando a tese da líder do partido, numa entrevista ao Expresso, de que uma maioria de dois terços da esquerda "tornaria o Presidente da República absolutamente irrelevante", o ex-ministro do CDS fez, depois, um acrescento próprio a esta tese.