Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Hora do Planeta põe às escuras 85 localidades portuguesas no sábado

Uma hora às escuras pelo desenvolvimento sustentavel em 85 localidades portuguesas.
28 de Março de 2014 às 07:05
Hora do planeta, ponde 20 de Abril, Jeronimos, mundo
Hora do planeta, ponde 20 de Abril, Jeronimos, mundo FOTO: Bruno Colaço

Portugueses de 85 localidades juntam-se à Hora do Planeta e apagam as luzes em casa, nas empresas ou monumentos, alertando para a necessidade de proteger a natureza, iniciativa mundial que este ano propõe uma aula global de yoga.

A Hora do Planeta, que começou em 2007, assinala-se no último sábado de março e incentiva os cidadãos a desligar a eletricidade entre as 20:30 e as 21:30 e chamar a atenção para a importância de mudar comportamentos, em benefício do desenvolvimento sustentável.

Organizada pela WWF (fundação mundial de proteção da natureza), a Hora do Planeta é comemorada em Portugal desde há três anos e "pôs às escuras" monumentos como o Cristo-Rei, a ponte 25 de Abril, o Mosteiros dos Jerónimos, a Torre de Belém, o Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa, os palácios de Monserrate e Convento dos Capuchos, em Sintra, o Mosteiro da Batalha, o Castelo de Pombal, a Caravela de Lagos, o Castelo de Santa Maria da Feira e o Castelo de Bragança.

"Serão 85 as localidades a aderir à Hora do Planeta, por todo o país, como se tem passado desde há três anos para cá, [pois] temos atingido entre 90 e 100 cidades, um terço dos municípios portugueses. Achamos que este ano os números vão ser idênticos", disse à agência Lusa Ângela Morgado, da WWF Portugal.

Este ano a novidade é a realização de uma grande aula de yoga em Lisboa e mais nove cidades portuguesas (Cascais, Oeiras, Santarém, Coimbra, Évora, Aveiro, Tomar, Portalegre e Batalha).

Em Lisboa, a aula, que será realizada à luz de velas e requer inscrição, será no Jardim da Tapada das Necessidades, onde decorrem acções de animação a partir da tarde, com demonstrações de produtos sustentáveis e massagens.

Lá fora, serão apagadas as luzes de monumentos como o Empire State Building, Tower Bridge, Castelo de Edimburgo, Portas de Brandenburgo, Torre Eiffel, Kremlin e Praça Vermelha em Moscovo, Ponte do Bósforo - que liga a Europa à Ásia - ou o edifício mais alto do mundo, o Burj Khalifa.

Em 2013, a Hora do Planeta foi comemorada por mais dois mil milhões de pessoas, em 154 países, segundo a WWF. 

Hora do planeta ponde 20 de Abril Jeronimos mundo
Ver comentários