Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

Documentário "Les Prières de Delphine" de Rosine Mbakam vence 18.º IndieLisboa

Prémio para Melhor Longa-Metragem Portuguesa sido atribuído a "No táxi de Jack", de Susana Nobre.
Lusa 6 de Setembro de 2021 às 20:48
IndieLisboa
IndieLisboa FOTO: Direitos Reservados/Facebook
O documentário "Les Prières de Delphine", de Rosine Mbakam, venceu o Grande Prémio de Longa-Metragem do festival IndieLisboa, que termina esta segunda-feira, tendo o prémio para Melhor Longa-Metragem Portuguesa sido atribuído a "No táxi de Jack", de Susana Nobre.

Os vencedores do 18.º Festival Internacional de Cinema IndieLisboa, a decorrer desde 20 de agosto, foram esta segunda-feira anunciados numa cerimónia no Pequeno Auditório da Culturgest, na capital portuguesa.

Para o júri da Competição Internacional, composto pelo cineasta Bas Devos, a professora e autora Erika Balsom e a dramaturga, atriz e encenadora Joana Craveiro, "Les Prières de Delphine" "é um poderoso ato de cocriação entre a realizadora e a pessoa retratada", que "reflete sobre posicionamento, cumplicidade, e as intersecções de raça, classe e migração".

Ver comentários