Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
5

Joana de Verona brilha em produção brasileira

Filme ‘Praça Paris’, de Lúcia Murat, chega às salas com dois galardões importantes.
Ana Maria Ribeiro 4 de Outubro de 2018 às 01:30
Joana de Verona é uma psicóloga bem intencionada no filme ‘Praça Paris’
Joana de Verona
Joana de Verona
Joana de Verona
Joana de Verona é uma psicóloga bem intencionada no filme ‘Praça Paris’
Joana de Verona
Joana de Verona
Joana de Verona
Joana de Verona é uma psicóloga bem intencionada no filme ‘Praça Paris’
Joana de Verona
Joana de Verona
Joana de Verona
A atriz Joana de Verona é protagonista do filme ‘Praça Paris’, realizado pela brasileira Lúcia Murat e que chega hoje às salas nacionais, já com vários galardões no currículo. Murat arrecadou o prémio de Melhor Direção de Ficção no Festival de Cinema do Rio de Janeiro e Grace Passô, coprotagonista, ganhou o prémio Redentor de Melhor Atriz (categoria para a qual Joana de Verona também estava nomeada).

A atriz portuguesa diz ao CM que adora trabalhar sob a direção de mulheres, e que ser dirigida por Murat "foi bom e intenso". "A Lúcia é uma realizadora de ideias firmes. É exigente, mas aceita as sugestões dos atores e, no processo, procurámos, em conjunto, os melhores caminhos para a personagem."

A atriz, que no grande ecrã dá corpo a uma psicóloga que se confronta com uma paciente problemática, e potencialmente perigosa, estudou os princípios da Psicologia para fazer o papel e espera que o público o receba de braços abertos.

"Gostava que fosse bastante visto. Seria interessante que os portugueses tivessem acesso a este ponto de vista sobre o Brasil atual, sobretudo o olhar político e social que transmite", refere.

E por falar em política, Joana, que tem dupla nacionalidade, vai votar no domingo nas eleições brasileiras. Mas não em Jair Bolsonaro, candidato da extrema-direita, apontado como favorito à vitória.

"As propostas dele não vão ao encontro do ideal de um país unificado, fortalecido pela educação e respeito da diversidade", conclui.

PORMENORES 
‘Venom’ no grande ecrã
É uma das personagens mais enigmáticas da Marvel. Chega agora ao grande ecrã pela mão do realizador Ruben Fleischer e Tom Hardy é o ator escolhido para este papel assustador.

Um filme de arrepiar
‘Thelma’, também a estrear, centra-se no percurso de uma jovem que, na faculdade, descobre ter poderes sobrenaturais potencialmente perigosos. Realização de Joachim Trier.

Rowan Atkinson de volta
‘Johnny English Volta a Atacar’ assinala o regresso do ator Rowan Atkinson ao papel do agente secreto mais desastrado da história dos Serviços Secretos britânicos. David Kerr realiza.
Ver comentários