Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
4

Lusodescendente compra medalha portuguesa da I Guerra Mundial em França

Tiago Martins adquiriu medalha com a ajuda de outros lusodescendentes. Vai integrar o espólio do Museu Municipal de Porto de Mós.
Lusa 4 de Julho de 2021 às 10:53
Lusodescendente compra medalha portuguesa da I Guerra Mundial em França
Lusodescendente compra medalha portuguesa da I Guerra Mundial em França FOTO: Direitos Reservados/ Instagram
Tiago Martins adquiriu, com a ajuda de outros lusodescendentes, uma medalha atribuída a um soldado português na I Guerra Mundial vendida em França e que agora vai integrar o espólio do Museu Municipal de Porto de Mós.

"Já tinha tentado comprar uma, mas escapou-me. Fiquei em contacto com o vendedor, especializado em artefactos de guerra, e ele encontrou outra e lancei a angariação de fundos", explicou o lusodescendente Tiago Martins, em declarações à agência Lusa.

Ao ver à venda uma "Medalha Comemorativa das Campanhas" entregue pela República Portuguesa aos soldados portugueses que participaram na I Guerra Mundial em França, o lusodescendente pensou que este objeto pertencia a um museu, mas queria provocar um movimento entre lusodescendentes.

"Eu posso pagar a medalha, mas queria mesmo que fosse um movimento de recolha de fundos porque queria sentir que não sou o único a querer coisas boas para a cultura e para a memória", indicou.

A angariação de fundos atingiu esta semana o valor total da medalha, 326 euros, e o objeto vai agora ser entregue ao Museu Municipal de Porto de Mós, museu próximo das terra dos pais de Tiago Martins, e de onde saíram vários soldados que combateram na I Guerra Mundial.

"Ficaram muito contentes e responderam-me muito rápido. Eles recebem algumas doações, mas normalmente são coisas relacionadas à vida no campo. Coisas da I Guerra Mundial é muito raro", referiu.

Apesar de não se saber ao certo a quem foi originalmente atribuída esta medalha, o objeto tem três chapas que permitem traçar o perfil do soldado português: uma diz "França 1917-1918", outra menciona a Batalha de la Lys, principal batalha onde participaram os contingentes portugueses, e ainda "Grande Inválido", ou seja, foi atribuída a alguém que ficou gravemente ferido na guerra.

"Isto é muito interessante. Podemos contar uma história através desta medalha", assegurou Tiago Martins.

A recolha de fundos foi maioritariamente apoiada por franceses de origem portuguesa que agora vão receber uma mensagem personalizada por terem ajudado na compra desta medalha e também de um jornal da época e um postal.

Amante e colecionador de artefactos portugueses, Tiago Martins é também o fundador da página Portuguese Facts, no Instagram, onde dá a conhecer a cultura portuguesa em francês, inglês e português. 

Ver comentários