Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
1

'Nomadland' é o grande vencedor dos BAFTA. Filme arrecadou quatro prémios

Filme norte-americano venceu quatro categorias dos prémios de cinema britânicos.
Correio da Manhã 11 de Abril de 2021 às 21:21
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
Prémios BAFTA
O filme "Nomadland" foi este domingo o grande vencedor da 74.ª edição dos prémios da Academia Britânica das Artes Cinematográficas e da Televisão (BAFTA), alcançando quatro prémios, entre os quais melhor filme, melhor realizador e melhor atriz.

O filme da realizadora sino-americana Chloé Zhao conta a história de uma mulher (Frances McDormand) que viaja pela América como nómada, vivendo numa caravana, trabalhando em empregos temporários e sobrevivendo na estrada, na sequência de uma crise económica.

Segundo informações avançadas pela agência Lusa, Chloé Zhao tornou-se na segunda mulher a ganhar o BAFTA de melhor realização, e a primeira sino-americana, sendo que esta madrugada já tinha sido distinguida com o mesmo prémio, mas pelo Sindicato dos Realizadores da América.

O ator Anthony Hopkins venceu a categoria de ator principal por interpretar um homem com demência no filme 'The Father'.

Youn Yuh-jung ganhou o prémio de atriz secundária no filme 'Minari', no qual interpreta uma avó que viaja da Coreia do Sul para os Estados Unidos para cuidar dos netos.

Daniel Kaluuya ganhou o prémio de atopr secundário devido à interpretação do falecido ativista dos Panteras Negras, Fred Hampton, em 'Judas and the Black Messiah'.

A cerimónia da entrega de prémios decorreu durante as últimas duas noites, com os nomeados a juntarem-se por vídeo, devido à pandemia da Covid-19.

Durante a cerimónia, o príncipe Filipe, marido da rainha Isabel II, que morreu na sexta-feira, foi homenageado.O duque de Edimburgo foi nomeado o primeiro presidente do BAFTA em 1959. O neto, príncipe William, é o atual presidente do BAFTA.

Nomadland BAFTA interesse humano
Ver comentários