Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
7

‘O Rei Leão’ volta e está mais realista que antes

Filme chega 25 anos depois da estreia da versão original e usa tecnologia digital de ponta.
Ana Maria Ribeiro 17 de Julho de 2019 às 01:30
‘O Rei Leão’ volta e está mais realista que antes
‘O Rei Leão’ volta e está mais realista que antes
‘O Rei Leão’ volta e está mais realista que antes
‘O Rei Leão’ volta e está mais realista que antes
‘O Rei Leão’ volta e está mais realista que antes
‘O Rei Leão’ volta e está mais realista que antes

Parece mentira, mas já lá vão 25 anos desde que a Disney estreou um dos seus filmes mais marcantes. ‘O Rei Leão’ de 1994 foi saudado pela crítica como um filme que o próprio Walt Disney aplaudiria de pé e cujo êxito foi prolongado pelo musical com o mesmo título – e mais ou menos a mesma história – e que fez sucesso em palcos por todo o Mundo.

Pois bem, os estúdios da Disney acharam que as novas gerações mereciam uma revisão desta história ternurenta e o filme chega esta quarta-feira às nossas salas, com uma proposta muito mais "realista".

Em 2019, com os avanços que a tecnologia digital tem dado, ‘O Rei Leão’ é agora uma versão assustadoramente próxima da realidade e o espectador sente-se transportado para a selva e a tremer de medo com as ameaçadoras criaturas que a povoam.

E que parecem poder trucidar o pequeno Simba, cuja voz passou de Mathew Broderick para Donald Glover, conhecido não só como ator mas também como músico. Aliás, o elenco de vozes da nova versão inglesa de ‘O Rei Leão’ está cheio de vedetas da indústria musical: Beyoncé dá voz a Nala e Chance The Rapper a Bush Baby.

Mesmo a jeito para cantarem as muitas canções do filme.

Da versão original, ‘salvou-se’ James Earl Jones, que retoma a voz do Rei Mufasa, pai de Simba e para sempre associado à voz de Darth Vader de ‘Star Wars’.

Assinado por Jon Favreau, o novo filme parece um decalque do outro, mas não deixa de impressionar quem o vê.

O Rei Leão Simba Disney Mundo Walt Disney cinema Rei Leão 3D Mufasa
Ver comentários