Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
4

Poeta brasileiro Thiago de Mello, que lutou pela Amazónia, morre aos 95 anos

A morte do famoso autor de "Os Estatutos do Homem" foi confirmada pela editora Global.
Lusa 14 de Janeiro de 2022 às 16:29
Thiago de Mello
Thiago de Mello FOTO: Direitos Reservados
O poeta brasileiro Thiago de Mello, conhecido pela sua luta em defesa do meio ambiente e da floresta amazónica e que viveu exilado em Portugal, morreu esta sexa-feira aos 95 anos na sua residência na cidade de Manaus.

A morte do famoso autor de "Os Estatutos do Homem" foi confirmada pela editora Global, que publicou as suas obras, e pelo governador do estado do Amazonas, Wilson Lima, em mensagens de condolências publicadas nas redes sociais.

Mello, cuja obra foi traduzida para mais de 30 idiomas, teve ligações com diversas personalidades de países como Argentina, Chile, Portugal e Bolívia, onde viveu exilado após ser perseguido pela ditadura militar brasileira (1964-1985).

Amazónia Thiago de Mello Portugal Manaus questões sociais política morte
Ver comentários