Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
2

"The Crown" domina Emmys e "Ted Lasso" vence comédia

Nas nove principais categorias de Série Dramática, "The Crown" venceu oito.
Lusa 20 de Setembro de 2021 às 07:32
Josh O'Connor vencedor do prémio de Melhor Ator em série dramática pelo papel representado em The Crown
Brett Goldstein e Hannah Waddingham, da série Ted Lasso
Josh O'Connor vencedor do prémio de Melhor Ator em série dramática pelo papel representado em The Crown
Brett Goldstein e Hannah Waddingham, da série Ted Lasso
Josh O'Connor vencedor do prémio de Melhor Ator em série dramática pelo papel representado em The Crown
Brett Goldstein e Hannah Waddingham, da série Ted Lasso
A série da Netflix "The Crown" foi a grande vencedora da 73.ª edição dos Prémios Emmy, levando pela primeira vez a estatueta de Melhor Série Dramática e dominando por completo a categoria na maior noite da televisão.

"Estou sem palavras", disse o produtor executivo de "The Crown", Peter Morgan, no discurso de vitória do Emmy para série dramática do ano, que foi entregue no fim da cerimónia, esta madrugada em Los Angeles. 

Olivia Colman, que já tinha vencido o Emmy de Melhor Atriz em Série Dramática pelo seu papel de Rainha Isabel II, mostrou-se surpreendida pelo domínio absoluto da série, agora na quarta temporada, e a sua própria vitória. "Teria apostado dinheiro em como isto não aconteceria", afirmou. 

Nas nove principais categorias de Série Dramática, "The Crown" venceu oito. Além de série do ano e Melhor Atriz, deu a Josh O'Connor o Emmy de Melhor Ator, pelo papel de Príncipe Carlos, distingiu Tobias Menzies como Melhor Ator Secundário pelo papel de Príncipe Filipe de Edimburgo e corou Gillian Anderson como Melhor Atriz Secundária, por interpretar Margaret Thatcher.

A outra grande vencedora da noite foi a nova série da Apple TV+, Ted Lasso", premiada como Melhor Série de Comédia contra títulos como "Black-ish", "Emily em Paris" e "The Kominsky Method".

A produção, que conseguira vinte nomeações, levou igualmente os principais prémios de representação: o protagonista Jason Sudeikis foi Melhor Ator, Brett Goldstein foi Melhor Ator Secundário e Hannah Waddingham venceu o Emmy de Melhor Atriz Secundária.

Ver comentários