Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Auriol Dongmo em lágrimas: "Perder assim é a coisa mais horrível"

Portuguesa, de 30 anos, ficou este domingo no quarto lugar da final do lançamento do peso em Tóquio 2020.
Record 1 de Agosto de 2021 às 08:38
Auriol Dongmo, de 30 anos, ficou este domingo no quarto lugar da final do lançamento do peso em Tóquio'2020, ao ficar a apenas cinco centímetros do bronze, que ficou nas mãos da neozelandesa Valerie Adams, que lançou 19,62 metros contra 19,57 da portuguesa.

"É mesmo difícil. Fiz uma boa recuperação e sentia-me com força para ganhar uma medalha hoje, mas há coisas que não conseguimos explicar", confessou a atleta do Sporting à RTP, antes de desabar em lágrimas. "Eu estava em forma, no aquecimento estava a lançar, mas pronto... perder desta maneira para mim é a coisa mais horrível."

O foco é agora Paris'2024. "Vou dar tudo. Prometo que vou continuar a trabalhar e dar tudo para estar melhor em Paris."
Auriol Dongmo Tóquio Valerie Adams Paris desporto questões sociais atletismo demografia eventos desportivos
Ver comentários