Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

João Mário quer ser uma "referência" e ver Benfica "demonstrar o favoritismo" na Liga dos Campeões

Deixar o Sporting, clube no qual se formou, sagrando-se campeão nacional em 2020/21, foi um tema abordado pelo reforço das 'águias'.
Lusa 3 de Agosto de 2021 às 17:05
João Mário
João Mário FOTO: CMTV
O futebolista João Mário defendeu esta terça-feira que o Benfica tem de "demonstrar o favoritismo" face ao Spartak de Moscovo, adversário da terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões, e confessou estar desejoso de tornar-se uma "referência" dos 'encarnados'.

O médio internacional português fazia antevisão ao encontro da primeira mão, agendado para quarta-feira, em Moscovo, onde, provavelmente, fará a estreia com a camisola das 'águias' em jogos oficiais, depois de ter representado o Sporting na época passada, por empréstimo do Inter de Milão, clube italiano com o qual rescindiu para assinar pelo Benfica.

"Temos de demonstrar o favoritismo dentro de campo. Sabemos da pressão que existe no Benfica, o quanto este clube merece e quer estar na Liga dos Campeões. O grupo é experiente, com Vertonghen, Otamendi, Pizzi e Rafa, que estão habituados a jogar estes jogos. Nesta eliminatória é 50/50 e cabe-nos demonstra que queremos mais do que o Spartak estar na fase de grupos", justificou João Mário, que há duas épocas esteve ao serviço ao Locomotiv de Moscovo, em conferência de imprensa.

João Mário, assim como todo o grupo liderado por Jorge Jesus, "quer muito entrar bem no primeiro jogo oficial", deixando claro que a equipa "preparou-se bem na pré-época" para tentar vencer a equipa moscovita, agora treinada pelo técnico luso Rui Vitória, e ficar mais perto de aceder à fase de grupos da 'Champions'.

Deixar o Sporting, clube no qual se formou, sagrando-se campeão nacional em 2020/21, foi um tema abordado pelo reforço das 'águias'.

"É de conhecimento geral o meu passado. Representei o Sporting muitos anos, mas assinei um contrato longo com o Benfica. Espero tornar-me uma referência neste clube e estou muito orgulhoso pela aposta que fizeram em mim. O 'míster' conhece-me bem, cabe-me estar preparado para todos os desafios. Sei a exigência que existe num clube como o Benfica", concluiu.

Caso ultrapasse os russos, o Benfica recebe os holandeses do PSV Eindhoven ou os dinamarqueses do Midtjylland, em 17 ou 18 de agosto, e joga nos Países Baixos ou na Dinamarca em 24 ou 25, no 'play-off'.

Spartak Moscovo e Benfica disputam a primeira mão da terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões, na quarta-feira, pelas 20:00 locais (18:00 em Lisboa), com arbitragem do espanhol Carlos del Cerro Grande.

A segunda mão está agendada para o dia 10 agosto, no Estádio da Luz, em Lisboa, com início agendado para as 20:00.

Ver comentários