Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Licá: Reencontro com o Estoril

A vida do avançado levou uma volta do dia para a noite com a ida para o Dragão
21 de Setembro de 2013 às 15:00
Licá tem 25 anos e no FC Porto estreou-se na Liga dos Campeões e na seleção nacional
Licá tem 25 anos e no FC Porto estreou-se na Liga dos Campeões e na seleção nacional FOTO: Manuel Araújo
O FC Porto pagou cerca de dois milhões de euros para contratar Licá ao Estoril. Ao avançado de 25 anos propôs-lhe um contrato válido até 2017. Uma mudança radical na vida do atleta que domingo regressa à Amoreira para defrontar os antigos companheiros.
Licá já não é o mesmo  jogador que apontou seis golos e foi decisivo na campanha histórica (5º lugar, com 45 pontos) que levou o Estoril à Liga Europa.
Licá, jogador dispensado da Académica por André Villas-Boas, chegou ao Estoril e deixou a sua marca. Retribuiu quando saiu por cerca de dois milhões de euros. Agora no FC Porto, além da melhoria substancial do ordenado e da estabilidade de um contrato de longa duração (quatro épocas), Licá já soma títulos (Supertaça Cândido Oliveira), joga na Liga dos Campeões e já se tornou jogador internacional português.
Enquanto os antigos companheiros vão jogar domingo depois de uma derrota na Liga Europa em casa frente ao Sevilha por 1-2, Licá surge moralizado com um triunfo difícil mas justo sobre o Austria de Viena por 1-0 (golo de Lucho) na Liga dos Campeões. Um milhão de euros para os cofres do dragão e uma injeção de moral para o jogo de domingo. Marco  Silva bem quis adiar o jogo para segunda-feira, mas os dragões recusaram. Têm mais um dia de descanso e vão querer continuar com a vantagem de cinco pontos para o rival Benfica. Licá já personifica o espírito do dragão. Marcou na sua estreia oficial (um golo na final da Supertaça ao V. Guimarães), o que o catapultou para o estatuto de titular. É aguerrido. É um jogador à FC Porto.

PERFIL - Luís Carlos Pereira Carneiro, conhecido no mundo do futebol por Licá, nasceu no dia 8 de setembro de 1988 (25 anos) em Lamelas (Castro Daire). Começou a jogar no O Castro, e passou depois pelo Social Lamas, Académica, Trofense, Tourizense, Estoril e FCPorto.

INTERNACIONAL NO JOGO COM O BRASIL - O ingresso de Licá no FC Porto abriu-lhe as portas da seleção portuguesa. Integrou pela primeira vez o lote de convocados de Paulo Bento na dupla jornada com a Irlanda do Norte (4-2) a contar para a qualificação do Mundial de 2014 e no jogo particular com o Brasil (1-3) em Boston, onde fez a sua estreia oficial. Entrou aos 84 minutos para o lugar de Vieirinha. Um prémio dado por Bento. No entanto, Licá não figurava nos 23 eleitos inicialmente. Acabou por ser chamado para o lugar do lesionado Danny.


LICÁ JÁ FOI GUARDA-REDES - No dia na sua estreia a titular na Liga pela Académica (17 de janeiro de 2010), Licá acabou a guarda-redes após a expulsão de Rui Nereu no jogo com o Sp. Braga (0-2).

DOMINGOS FOI O 'PADRINHO' - Domingos Paciência foi o padrinho de Licá na Liga. O treinador da Académica fez entrar o avançado no jogo com o Belenenses (1-0) no dia 17/11/2008. Jogou 54’.

SAIBA MAIS
Goleador - Nas duas épocas no Estoril marcou 18  golos (12 na II Liga  e 6 na Liga). Decisivo na subida e no apuramento europeu.
181 - Licá mede 1,81 metros e pesa 70 kg. Joga com o pé direito.
Empréstimos - Licá foi emprestado pela Académica ao Tourizense (2007/08) e ao Trofense (2009/10 e 2010/11).

licá fc porto estoril liga amoreira dragão
Ver comentários