Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Comissão Diretiva do Sporting prevê emitir comunicado às 22h30

Assembleia-Geral do Sporting demite-se e quer a saída de Bruno de Carvalho
Lusa 17 de Maio de 2018 às 13:25
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Jaime Marta Soares
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Jaime Marta Soares
Bruno de Carvalho
Bruno de Carvalho
Jaime Marta Soares
O Conselho Diretivo encontra-se neste momento reunido em Alvalade e está prevista a emissão de um comunicado para as 22h30. 

A reunião de emergência decorre num momento em que a mesa da Assembleia-Geral do Sporting apresentou a demissão em bloco. Jaime Marta Soares, presidente deste órgão, comunicou a decisão e pede a saída de Bruno de Carvalho da presidência do clube.

"Atendendo às recentes movimentações que surgem a todo o momento e a qualquer momento, posso anunciar que a Mesa da Assembleia-Geral se demite em bloco, e também já recebi comunicação do presidente do Conselho Fiscal, de que se iriam demitir, se não todos, alguns que me iriam enviar os pedidos de demissão", afirmou Marta Soares.

A demissão da Mesa de Assembleia-Geral (AG) tem a ver, segundo Marta Soares, "com as previsíveis consequências que possam advir desta instabilidade que está a marcar profundamente a instituição Sporting Clube de Portugal".

"Temos todos de entender que somos muito pequenos perante a grandeza desta Instituição, do seu valor e dos seus princípios, que têm de ser princípios de honra e de dignidade, e que alguns teimam em desrespeitar", atirou Jaime Marta Soares.

Horas antes de anunciar a demissão da Mesa da AG do Sporting, Marta Soares tinha solicitado ao Conselho Fiscal "a instalação de um processo para destituição, por justa causa,", da direção liderada por Bruno de Carvalho.

"Essa situação já não se vai concretizar, atendendo a que o próprio Conselho Fiscal também entende demitir-se", explicou Marta Soares.

O presidente demissionário da Mesa da AG acrescenta que, perante estas demissões e o pedido de demissão de quatro ou cinco elementos da equipa diretiva liderada pelo presidente Bruno de Carvalho, não estão, neste momento, "garantidas nenhumas condições de continuidade dos Órgãos Sociais do Sporting Clube de Portugal".

Além dos elementos da Mesa da AG, o presidente e vários membros do Conselho Fiscal e Disciplinar (CFD) do Sporting também apresentaram esta quinta-feira a demissão e apelaram ao presidente do clube lisboeta, Bruno de Carvalho, e à restante direção que renunciem aos cargos.

"Tendo em conta os superiores interesses do Sporting Clube de Portugal, que são e sempre foram a nossa maior preocupação, apelamos a que o presidente e os restantes membros do Conselho Diretivo apresentem a sua renúncia ao cargo de forma a permitir a marcação imediata de eleições", indicam os cinco subscritores do comunicado.

Além do presidente do CFD, Nuno Silvério Marques, e do vice-presidente, Vicente Caldeira Pires, também os membros Vítor Bizarro do Vale, Miguel Almeida Fernandes e Nuno Miguel Santos apresentaram ao presidente da Mesa da Assembleia Geral, Jaime Marta Soares, os pedidos de demissão.


Mesa da Assembleia-Geral Sporting presidente Lusa Jaime Marta Soares
Ver comentários