Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Bruno Fernandes culpa equipa: “alguns colegas não têm noção do que é o Sporting”

Médio acredita no apuramento.
Mário Figueiredo 2 de Outubro de 2019 às 08:35
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes
Bruno Fernandes

"Ser capitão do Sporting é um orgulho enorme. Eu sou português e tenho noção da história do clube. Tento transmitir isso aos meus colegas, pois alguns não têm a noção do que é o Sporting. É verdade, está há 18 anos sem ganhar o campeonato, mas a pressão tem de estar cá sempre", disse Bruno Fernandes ao site da UEFA, numa entrevista de lançamento do jogo dos leões com o Lask Linz, na quinta-feira.

Bruno Fernandes, autor do golo que deu a vitória sobre o D. Aves (0-1) na estreia do técnico Silas, entende o papel que tem dentro da equipa: "Há uma pressão positiva, quer dizer que as pessoas acreditam em mim, que os meus companheiros têm confiança em mim e acreditam que eu posso fazer algo diferente durante o jogo. E eu transformo essa pressão num fator bom para ajudar a equipa."

Sobre uma eventual conquista da Liga Europa, o médio internacional português joga à defesa: "Prefiro não pensar nisso e ir passo a passo. Seria muito gratificante, para mim e para os meus companheiros, deixar uma marca no clube como a conquista da Liga Europa."

Apesar da falsa partida com a derrota (3-2) frente ao PSV Eindhoven, na Holanda, Bruno Fernandes acredita no apuramento. "É um grupo difícil, mas temos capacidades para passar. Teoricamente, o PSV é o adversário mais forte. As nossas ambições passam por passar o grupo, se possível em primeiro, e depois pensarmos jogo a jogo, vendo também o que sairá no sorteio", acrescentou.

O capitão quer os leões "a lutarem de igual para igual" com qualquer rival. "Sabemos que vêm aí as equipas que caírem da Champions, que são sempre clubes com história, mas o Sporting já demonstrou em épocas anteriores que luta pela vitória com qualquer equipa."

AG da SAD prolongada
A assembleia-geral da SAD do Sporting realizou-se esta terça-feira à noite, com os acionistas a debateram o estado do clube. Um dos dos pontos em agenda prendia-se com o aumento de ordenados dos administradores.

No caso de Frederico Varandas, presidente da SAD, o salário anual passaria de 188 mil euros para 273 mil euros (com prémios incluídos). A administração disse entretanto que iria recusar o aumento.

Leão ataca associação de treinadores
O Sporting atacou o líder da Associação Nacional dos Treinadores de Futebol (ANTF), José Pereira, que se manifestou contra a contratação de Silas, classificando as críticas de "ridículas".

"Face ao comportamento de anti-sportinguismo primário, o clube vai encetar diligências para que sejam restringidas as atribuições daquela associação, exigindo à Liga que avalie se é legal o princípio da certificação dos treinadores." A ANTF reagiu e acusa o Sporting de "ataque vil e cobarde" a Pereira.

PORMENORES
"Ronaldo da formação"
Cristiano Ronaldo deixou uma mensagem a Aurélio Pereira, que esta terça-feira completou 72 anos. CR7 recorreu a um vídeo para dizer que é "um orgulho" falar todas as semanas com o elemento que o descobriu e levou para o Sporting. "Para mim Aurélio Pereira é o Cristiano Ronaldo da formação", disse ainda o atual jogador da Juventus formado em Alvalade.

Ricciardi avança
José Maria Ricciardi, candidato nas últimas eleições do Sporting, formou um grupo de trabalho para preparar a sua recandidatura à presidência do Sporting no próximo ato eleitoral. Este grupo será composto por um "núcleo duro" de cinco pessoas que nada tem que ver com a sua antiga lista, disse à agência Lusa uma fonte próxima de José Maria Ricciardi.

Bruno Fernandes Sporting Liga Europa José Pereira UEFA Silas José Maria Ricciardi Lask Linz PSV Eindhoven
Ver comentários