Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Domínio minhoto dá mais uma derrota ao Sp. Braga

Marítimo explorou com sucesso o contra-ataque.
Secundino Cunha 30 de Abril de 2021 às 08:54
Léo Andrade (Marítimo) e Sporar (Sp. Braga)  travam despique no jogo no Funchal
Léo Andrade (Marítimo) e Sporar (Sp. Braga) travam despique no jogo no Funchal FOTO: Hélder Santos
O Marítimo venceu esta quinta-feira o Sp. Braga, no jogo que marcou o arranque da jornada 30 da primeira Liga, e, dando um salto na tabela, ganhou uma boa dose de oxigénio para o que falta do campeonato.

Apesar do maior domínio da turma minhota, foi ao conjunto insular que pertenceram as melhores oportunidades de golo nos Barreiros.
O golo da vitória foi apontado ao minuto 76. Joel Tagueu esgueirou-se pela esquerda, entrou na grande área, sentou Ricardo Esgaio e, de pé direito, rematou para o fundo da baliza. Matheus ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar o tento maritimista. Um golo solitário, que valeu três pontos preciosos à equipa do Funchal.

O desafio começou em toada morna, com o primeiro sinal de perigo a ter lugar apenas perto do minuto 20, com Sporar, dentro da área, a cabecear muito por cima da baliza.

Apesar do domínio arsenalista, o que se verificou em todo o desafio, a melhor oportunidade do primeiro tempo foi para o Marítimo e ocorreu já depois dos 45’, com Edgar Costa a aproveitar um erro de Sequeira e a rematar com estrondo à barra da baliza de Matheus.
O Sp. Braga sofreu a segunda derrota seguida na Liga e, uma vez mais, a exemplo do que ocorreu frente ao Sporting, o domínio territorial resultou na perda dos três pontos. E desta vez no adeus ao 3º lugar.
Sp. Braga Marítimo Matheus Liga desporto futebol eventos desportivos campeonato nacional nível 1
Ver comentários