Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Ida à champions rende 38,5 milhões ao FC Porto

Dragões estão na 13ª posição no ‘ranking’ a 10 anos da UEFA, que define a distribuição dos prémios.
João Moniz 16 de Maio de 2021 às 01:30
Pepe e Ronaldo no jogo da Champions este ano
Pepe e Ronaldo no jogo da Champions este ano FOTO: Marco Bertorello / AFP
O FC Porto assegurou este sábado o 2º lugar da Liga, que dá acesso direto à Liga dos Campeões e a uma receita mínima de 38,5 milhões de euros.

O FC Porto está na 13ª posição no ‘ranking’ a 10 anos da UEFA, que define a distribuição dos prémios. Como o Arsenal está fora da próxima Champions, os dragões serão, pelo menos, o 12º participante mais bem classificado em 2021/22. Esse posto garante um encaixe de 38,5 milhões de euros só com a entrada na fase de grupos (cada vitória vale depois 2,7 milhões de euros e cada empate 900 mil euros).

Este valor mínimo pode subir nos próximos dias até aos 41,8 M€. Basta que Juventus, Chelsea e Borussia Dortmund, que à data de hoje ocupam o 4º e último lugar de acesso à Champions nas ligas italiana, inglesa e alemã, respetivamente, desçam uma posição nos seus campeonatos. Recorde-se que esta época a Champions rendeu 75,9 milhões de euros ao FC Porto.
Liga dos Campeões FC Porto Champions economia negócios e finanças desporto futebol
Ver comentários