Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Messi aponta à Champions na chegada ao PSG

Avançado foi apresentado como jogador do clube francês e revelou vontade de conquistar títulos. Adeptos receberam craque em euforia.
Luís Magalhães 12 de Agosto de 2021 às 08:46
“Bem-vindo”, lê-se no ecrã gigante do estádio do Parque dos Príncipes, com Messi e Al Khelaifi no relvado
Envolvido pelos adeptos do PSG, após a apresentação
Vendas de camisolas disparam, logo no primeiro dia
“Bem-vindo”, lê-se no ecrã gigante do estádio do Parque dos Príncipes, com Messi e Al Khelaifi no relvado
Envolvido pelos adeptos do PSG, após a apresentação
Vendas de camisolas disparam, logo no primeiro dia
“Bem-vindo”, lê-se no ecrã gigante do estádio do Parque dos Príncipes, com Messi e Al Khelaifi no relvado
Envolvido pelos adeptos do PSG, após a apresentação
Vendas de camisolas disparam, logo no primeiro dia
Lionel Messi foi esta quarta-feira apresentado como novo jogador do Paris Saint-Germain e, para gáudio dos adeptos, fez questão de mencionar que está em França para ajudar o clube a conquistar a tão ambicionada Liga dos Campeões. “O PSG já esteve perto, mas é difícil. É uma competição especial e é isso que a torna tão linda e tão importante. Venho para ajudar e com mais vontade do que nunca. O meu sonho é levantar outra Champions e aqui é o lugar ideal para consegui-lo”, salientou.

A euforia tomou conta das ruas de Paris, com milhares de adeptos a darem as boas-vindas ao novo camisola 30 do PSG, que demonstrou vontade de jogar já. “Desde o dia em que o Barcelona comunicou a saída, foi tudo muito rápido e fácil [...] Estive um mês parado e terei de fazer uma pré-temporada sozinho. Oxalá seja o mais rápido possível, porque tenho muita vontade de me estrear”, frisou.

O astro argentino assinou até 2023, com mais um ano de opção, e vai auferir um salário de 35 milhões de euros limpos, por temporada. Ao contrário do que sucedeu em Espanha, a liga francesa adiou a imposição do ‘fair play’ financeiro e Al Khelaifi, presidente do PSG, mencionou que espera obter um retorno superior aos gastos com a contratação de Messi. “Seguimos sempre as regras, se assim não fosse, não o poderíamos ter feito. O que Messi pode trazer ao clube é enorme. Espero que não nos peça para ganhar mais (risos)”, sublinhou.

josé fonte tenta recrutar ronaldo para o lille
Consciente do enorme desafio que terá pela frente com a chegada de Messi ao PSG, José Fonte está a tentar recrutar Cristiano Ronaldo para o campeão Lille. “Será ainda mais difícil para nós, mas estamos prontos. Todos os dias escrevo ao Cristiano para vir para o Lille. Ele responde apenas: ‘ha ha ha’”, referiu no ‘TalkSport’. O central, de 37 anos, não receia a superequipa dos parisienses e insistiu que quer trazer CR7: “Vamos usar as nossas armas e vou tentar trazer o Cristiano de alguma forma. Vou fazer um plano! Só lhe falta o título francês.”
Ver comentários