Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Namorada de Eriksen desespera com momento dramático do companheiro no relvado

Sabrina namora com o médio desde 2012. Foi o rosto da apreensão em Copenhaga.
Pedro Zagacho Gonçalves(pedrogoncalves@cmjornal.pt) 12 de Junho de 2021 às 18:30
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Sabrina é confortada pelos colegas de Eriksen
Durante todo o episódio viveram-se momentos de tensão: em campo, nas bancadas, pela televisão. O médio dinamarquês Eriksen colapsou em campo durante o 42.º minuto do jogo da Dinamarca frente à Finlândia. Colegas de equipa a correr, equipa médica em campo, desespero e lágrimas durante as manobras de reanimação.

Na bancada estava a musa de Christian Eriksen, Sabrina Kvist Jensen, que namora com o médio há nove anos e com o qual tem um filho Alfred, que completou três anos há poucas semanas, no início de junho.

A jovem, de 25 anos, foi o rosto da apreensão no estádio, em Copenhaga, tendo prontamente saltado da bancada e invadido campo, com os olhos em lágrimas de desespero, para saber o que tinha acontecido ao companheiro.

No relvado falou com as equipas médicas que assistiram o marido e foi consolada e abraçada pelos colegas de equipa, em momentos de profunda emoção.

Sabrina é cabeleireira e apaixonou-se perdidamente pelo futebolista em 2012, altura em que Eriksen estava no Ajax. Tal como o namorado, é muito reservada e gosta de se manter longe dos holofotes. Sabrina, que chegou a ter o próprio salão, deixou tudo e agora acompanha o futebolista onde quer que este esteja, sendo a sua maior apoiante. Antes de Eriksen assinar pelo Inter de Milão, o casal viveu vários anos em Londres, tendo Sabrina trabalhado numa loja de roupa e numa associação de benificência.

O alívio chegou depois, com Eriksen a sair consciente do relvado e, segundo o pai, a conseguir "falar e respirar", já no hospital. O jogo foi retomado depois.
Finlândia Christian Eriksen Sabrina Kvist Jensen Dinamarca desporto futebol questões sociais
Ver comentários