Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Figo oficializado como membro da Academia Laureus

Cerimónia em Madrid com crianças com deficiência.
10 de Dezembro de 2015 às 13:25
"O desporto tem a força de unir povos", disse Luís Figo
'O desporto tem a força de unir povos', disse Luís Figo FOTO: EPA

O ex-futebolista internacional português Luís Figo foi esta quinta-feira oficializado como membro da Academia Laureus, pelo presidente do organismo, o antigo campeão olímpico Edwin Moses, numa visita ao Colégio Princesa Sofia, em Madrid.


Figo e o também ex-futebolista Carles Puyol já tinham sido indicados como os mais recentes membros da Academia, da qual já eram embaixadores, mas hoje receberam a distinção oficial, numa cerimónia com crianças com deficiência.


Acompanhados pelo presidente da Fundação Laureus em Espanha, Gabriel Masfurroll, e do presidente da organização Special Olympics, Miguel Sacarra, Figo, Puyol e Moses participaram em atividades com os alunos.


"Somos afortunados porque o desporto deu-nos tudo e é o momento de retribuir", começou por dizer Puyol, antigo central do FC Barcelona, considerando ser uma "honra" fazer parte de um "grupo restrito de desportistas".


"Mudar o mundo"
Figo também agradeceu a Edwin Moses a nomeação e frisou que o desporto "pode mudar o mundo", citando o antigo presidente sul-africano Nelson Mandela.


"O desporto tem a força de unir povos, dar oportunidades. Isso é que a Laureus tenta fazer globalmente", destacou o antigo jogador, o mais internacional de sempre pela seleção portuguesa de futebol e que passou por clubes como o FC Barcelona ou Real Madrid.


Por seu lado, Edwin Moses, bicampeão olímpico dos 400 metros barreiras em Montreal76 e Los Angeles84, lembrou que fazem parte da Laureus "atletas de classe mundial" e que o importante é "a história que têm por detrás, que os leva a desenvolver algo.


O responsável entregou os diplomas a Figo e Puyol, como as mais recentes aquisições da academia, que conta agora com 55 membros.

Luís Figo Academia Laureus
Ver comentários