Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

"Fomos derrotados pela Covid": Rádio Popular Boavista abandona Volta a Portugal

Há um caso suspeito de Covid-19.
Lusa 11 de Agosto de 2021 às 12:27
A Rádio Popular-Boavista, equipa do camisola amarela Daniel Freitas, abandonou hoje a 82.ª Volta a Portugal, depois de um novo caso suspeito de infeção com o novo coronavírus, confirmou esta quarta-feira a organização.

"Fomos derrotados pelo Covid. Para bem da Volta e do ciclismo, abandonar é o que temos de fazer neste momento com muita mágoa nossa, ainda mais numa situação que não vivíamos há muitos anos, por termos a camisola amarela", afirmou José Santos, diretor desportivo, à RTP3.

Todos os outros ciclistas e staff da equipa testaram negativo, sublinhou José Santos. "Poderíamos colocar em perigo do resto dos competidores em prova e a Volta. Esperemos que a Volta tenha o êxito que merece e não temos rancor de ninguém. Que não haja mais casos que assombrem a prova. As bolhas sanitárias têm sido corretas... Nós não merecíamos e ninguém merecia".

Na terça-feira, Daniel Freitas conquistou a amarela na quinta etapa da prova, que liderava com 42 segundos de vantagem sobre Alejandro Marque (Atum General-Tavira-Maria Nova Hotel), e 47 sobre Amaro Antunes (W52-FC Porto).

Antes do início da quinta etapa, já João Benta e Tiago Machado tinham sido afastados da Volta, por estarem infetados com o novo coronavírus, responsável pela pandemia de covid-19.

Covid Rádio Popular Boavista Luís Fernandes Daniel Freitas Covid-19 José Santos RTP3 Volta desporto ciclismo
Ver comentários