Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Portugal sem medalhas nas competições de boccia dos Jogos Paralímpicos Tóquio2020

É a primeira vez que o país fica sem qualquer medalha desde que se estreou na modalidade, em 1984.
Lusa 4 de Setembro de 2021 às 09:08
André Ramos termina no quarto lugar o torneio de boccia BC1
André Ramos termina no quarto lugar o torneio de boccia BC1 FOTO: Miguel A. Lopes / Lusa
Portugal fechou este sábado sem medalhas a participação nos torneios de boccia dos Jogos Paralímpicos Tóquio2020, o que acontece pela primeira vez desde que se estreou na modalidade, em 1984.

No dia das grandes decisões dos torneios coletivos, a equipa BC1/BC2 e o par BC4 terminaram ambos em quarto lugar, depois de terem cedido nas meias-finais e nos jogos para atribuição do bronze.

Na meia-final do torneio de BC4, o par português, composto por Pedro Clara, Manuel Cruz e Carla Oliveira, foi derrotado por 4-2 para Hong Kong e relegado para o jogo para atribuição da medalha de bronze, no qual perdeu por 5-1 com o Comité Paralímpico da Rússia.

No torneio de equipas BC1/BC2, Portugal, que esteve representado por Nelson Fernandes, André Ramos, Cristina Gonçalves e Abílio Valente, perdeu nas 'meias' com a China por 6-2, e no jogo seguinte com o Japão por 4-3.

Nos Jogos Paralímpicos Tóquio2020, Portugal esteve representado por 10 atletas, oito dos quais competiram nas provas individuais, tendo André Ramos sido o mais bem classificado ao terminar na quarta posição a prova de BC1.

Portugal estreou-se na modalidade de boccia nos Jogos Paralímpicos Nova Iorque1984, tendo desde então conquistado medalhas nas oito edições seguintes.

O boccia, modalidade exclusiva dos Jogos Paralímpicos, já garantiu a Portugal a conquista de 26 medalhas, ficando apenas atrás do atletismo (54) no número de pódios conseguidos.

Ver comentários