Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Tom Brady dá chapéu a 'super-fã' de 9 anos que sobreviveu a um cancro no cérebro

Mãe do menino agradeceu ao jogador por ter dado "força, esperança e um sonho" ao seu filho. 
Correio da Manhã 25 de Outubro de 2021 às 23:01
Tom Brady
Tom Brady FOTO: Getty Images

Tom Brady, o quarterback da equipa de futebol americano 'Buccaneers' deixou um menino de nove anos a chorar de alegria depois de lhe entregar um chapéu durante o jogo de domingo contra o Chicago Bears. 

O menino Noah conseguiu chamar a atenção do jogador porque segurava um cartaz que dizia "Tom Brady ajudou-me a superar um cancro no cérebro". 

Em vídeo partilhado na rede social Twitter, é possível ver Brady a caminhar até às bancadas e a entregar ao rapaz um chapéu comercializado pela NFL, a Liga Profissional de Futebol Americano, para promover uma campanha de consciencialização sobre o cancro. 



Depois do momento especial, o Daily Mail avança que a mãe do menino partilhou uma mensagem nas redes sociais a agradecer a Tom Brady por ter dado "força, esperança e um sonho" ao seu filho. 

Noah foi diagnosticado com cancro no cérebro em 2020 depois de se queixar de fortes dores de cabeça. Seis meses de tratamento depois estava curado. 

Para Tom Brady o jogo de domingo foi ainda especial por outro motivo: fez o seu 600º passe para touchdown, tornando-se o primeiro jogador da NFL a atingir esse marco. 

Tom Brady NFL saúde questões sociais desporto futebol futebol americano
Ver comentários