Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Gás no mercado livre com 1,3 milhões de clientes em junho

Número representa um aumento de mais 2900 face ao mês anterior.
Lusa 20 de Agosto de 2021 às 11:13
Embora dos mais elevados na UE, preço do gás natural tem baixado
Embora dos mais elevados na UE, preço do gás natural tem baixado FOTO: Getty Images/iStockphoto
O mercado livre de gás natural atingiu cerca de 1,3 milhões de clientes em junho, mais 2.900 face ao mês anterior, e, em termos de consumo, registou-se um aumento de 61 gigawatts-hora (GWh), para 39.142 GWh.

De acordo com o Boletim do Mercado Liberalizado do Gás Natural, relativo a junho deste ano, publicado pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), "o mercado livre (ML) alcançou um número acumulado de cerca de 1,3 milhões de clientes em junho de 2021, com um crescimento líquido de cerca de 2.900 clientes face a maio de 2021".

Já em termos de consumo, registou-se um aumento de 61 GWh face a maio, alcançando 39.142 GWh em junho.

O regulador da energia aponta ainda que, no mês em análise, o consumo no mercado livre representava cerca de 98% do consumo total verificado em Portugal continental, com a totalidade dos grandes consumidores já no mercado livre.

Por outro lado, a percentagem de consumo do segmento de clientes industrias no ML equivalia a cerca de 96% do consumo total do segmento.

Quanto à quota de mercado, a Galp manteve a sua posição como principal operador no mercado livre em consumo (58%), enquanto a EDP Comercial manteve a sua posição de liderança em número de clientes (50%), apesar da quebra registada desde junho de 2020.

Segundo a ERSE, a Galp manteve a liderança no segmento de clientes industriais (49%) e no de grandes consumidores (63%), apesar de uma redução de quota no segmento dos clientes industrias em 1,0 pontos percentuais e, no segmento dos grandes consumidores de 0,3 pontos percentuais.

Por seu turno, a EDP manteve a liderança no segmento das pequenas e médias empresas (PME) (48%) e no segmento residencial (50%), apresentando a mesma quota face a maio no segmento das PME e uma redução de 0,2 pontos percentuais no segmento residencial.

GWh ERSE Galp PME EDP Comercial economia negócios e finanças energia eletricidade (prod e dist)
Ver comentários