Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

Governo dos Açores diz que tarifa inter-ilhas a 60 euros avança em breve

Medida prevê que os residentes dos Açores podem viajar, por via aérea, entre as ilhas do arquipélago com uma tarifa fixa.
Lusa 15 de Maio de 2021 às 12:52
Açores
Açores FOTO: Ricardo Pereira
O Governo dos Açores disse hoje que a tarifa de 60 euros para viagens inter-ilhas para residentes, que foi anunciada para 01 de junho, aguarda a publicação do Plano e Orçamento, "que se espera para muito breve".

Segundo a nota emitida hoje pelo executivo regional, "a Tarifa Açores apenas poderá ser operacionalizada e disponibilizada aos passageiros residentes após a publicação do Plano e Orçamento da Região para o ano de 2021 no Diário da República e no Jornal Oficial da Região".

"O Governo dos Açores aguarda o envio do documento para o gabinete do Representante da República na Região, que se espera para muito breve trecho", lê-se ainda.

Esta medida, que prevê que os residentes dos Açores podem viajar, por via aérea, entre as ilhas do arquipélago com uma tarifa fixa de 60 euros, ida e volta, foi uma das grandes bandeiras do Governo de coligação PSD, CDS-PP e PPM desde que assumiu funções.

Em 31 de março, o secretário regional dos Transportes, Turismo e Energia, Mário Mota Borges, anunciava que, "a partir de 01 junho, a Tarifa Açores está em condições de sair para a rua".

A 15 dias da data anunciada, a companhia aérea regional ainda não disponibiliza os preços em questão.

A Lusa já tinha tentado obter esclarecimentos junto do Governo Regional sobre a operacionalização desta medida, em abril, depois de a SATA ter remetido esta questão para o executivo, mas sem sucesso.

Governo dos Açores Açores Tarifa economia negócios e finanças transportes aviação governos regionais
Ver comentários