Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

Greve com "ótima adesão" na Avipronto paralisou atividades

Em maio do ano passado, a Avipronto fechou provisoriamente depois de terem sido detetados vários casos positivos de infeção pelo novo coronavírus.
Lusa 11 de Junho de 2021 às 16:45
Avipronto
Avipronto FOTO: Direitos Reservados
A greve dos trabalhadores da empresa de produtos alimentares Avipronto, que se iniciou esta quinta-feira e termina esta sexta-feira, teve uma "ótima adesão", tendo paralisado as atividades de abate e a sala de corte da empresa, segundo fonte sindical.

De acordo com a mesma fonte, do Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura e das Indústrias de Alimentação, Bebidas e Tabacos de Portugal (Sintab) "a greve teve uma ótima adesão e o abate esteve parado, bem como a sala de corte" da empresa.

"Iremos marcar reunião com empresa brevemente e forçar o cumprimento do CCT [contrato coletivo de trabalho]", realçou.

O Sintab decidiu "declarar greve a iniciar às 00:00 horas dia 10 junho" e que "termina às 24:00 de dia 11 de junho de 2021 abrangendo os trabalhadores deste estabelecimento da empresa" da Azambuja, de acordo com um comunicado enviado na segunda-feira. 

Fonte sindical detalhou à Lusa que este pré-aviso de greve abrange 100 trabalhadores, sendo que estes funcionários exigem o "cumprimento integral das disposições das Convenções Coletivas de Trabalho" e estão contra a "redução do valor das horas suplementares" e "o trabalho gratuito nos dias feriados".

"No que respeita à segurança do equipamento e bens serão assegurados no decorrer da greve através de elementos a indicar dos piquetes de greve", adiantou ainda o Sintab.

O sindicato recordou ainda que o "direito à greve, configurado na Constituição da República como um direito fundamental dos trabalhadores, só pode ser limitado na estrita medida do necessário para salvaguardar a efetivação de outros direitos fundamentais, não podendo, em caso algum, sofrer limitações que diminuam a extensão e o alcance da norma que o consagra".

Em maio do ano passado, a Avipronto fechou provisoriamente depois de terem sido detetados vários casos positivos de infeção pelo novo coronavírus entre os funcionários.

Avipronto Lusa/Fim Sintab questões sociais trabalho greve
Ver comentários