Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

OCDE prevê PIB a crescer 3,7%

Mais otimismo não impede alertas a Portugal.
Raquel Oliveira e Lusa 1 de Junho de 2021 às 08:44
Centro de emprego IEFP
Centro de emprego IEFP FOTO: Pedro Catarino
A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) prevê um crescimento de 3,7% do Produto Interno Bruto para este ano e 4,9% para o próximo. Trata-se de uma melhoria face às últimas projeções quando previa um crescimento de 1,7% este ano e 1,9% para 2022.

A revisão em alta das projeções estende-se à própria economia mundial, que deverá registar um crescimento de 5,8% em 2021 e de 4,4% em 2022, segundo um relatório divulgado ontem pela OCDE.

A organização defende que a política orçamental portuguesa se mantenha favorável até que a recuperação esteja firmemente em andamento, “mas o apoio financeiro deve ser direcionado às empresas em dificuldades que ainda têm perspetivas viáveis”.

O relatório alerta para o aumento do desemprego, sobretudo entre os jovens e os trabalhadores pouco qualificados, o que exige “o reforço da capacidade dos serviços públicos de emprego para darem apoio”.

As previsões para Portugal apontam para uma taxa de desemprego de 7,4% este ano e que desça para 7% em 2022. É esperado ainda o crescimento do consumo, à medida que a situação sanitária melhorar.

“Acelerar a implementação do Plano de Recuperação e Resiliência, ao mesmo tempo que se promove uma regulamentação favorável à concorrência, ganhos de eficiência nos serviços públicos e investimento verde, será fundamental para uma recuperação forte e sustentável”, sublinha a organização. 
Ver comentários