Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
8

Sérgio Figueiredo vai receber salário superior a 5800 euros como novo consultor do Governo

Convite causou revolta e indignação entre os partidos políticos.
Correio da Manhã 10 de Agosto de 2022 às 21:31
Sérgio Figueiredo
Sérgio Figueiredo FOTO: Liliana Pereira

O antigo diretor de informação da TVI e ex-administrador da Fundação EDP, Sérgio Figueiredo, vai receber afinal um salário bruto de mais de 5800 euros, avançou a RTP.

Segundo informações do Ministério das Finanças ao canal, o consultor estratégico de Fernando Medina para fazer a avaliação e monitorização do impacto das políticas públicas e também para o aconselhamento na tomada de decisões da equipa do ministério vai receber praticamente 140 mil euros.

No contrato que ainda não está assinado, Sérgio Figueiredo está impedido de exercer outras atividades que possam representar um conflito de interesses com as funções exercidas no Ministério das Finanças, revela a RTP.

O convite do ministro das Finanças a Sérgio Figueiredo para assumir o cargo de consultor para "o desenho, implementação e acompanhamento de políticas públicas" causou revolta e indignação entre os partidos políticos, organizações não governamentais e lesados do banco Banif.

Fundação EDP Ministério das Finanças RTP economia (geral)
Ver comentários