Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

TAP vai receber 970 milhões de euros só este ano

Medida é classificada como temporária. Efeito nas contas públicas é revertido em 2022 e 2023.
Correio da Manhã 17 de Abril de 2021 às 09:46
Pandemia já levou à saída da TAP de pelo menos 2400 trabalhadores
Pandemia já levou à saída da TAP de pelo menos 2400 trabalhadores FOTO: Vítor Mota
O Governo prevê injetar 970 milhões de euros na TAP este ano, uma medida classificada como temporária e cujo efeito nas contas públicas é revertido em 2022 e 2023, de acordo com o Programa de Estabilidade tornado público esta sexta-feira.

Após a injeção de 970 milhões de euros em 2021, o Governo prevê que o efeito de 170 milhões dessa operação seja revertido em 2022 e que no ano seguinte o mesmo venha a suceder relativamente aos restantes 800 milhões de euros.

Refira-se que a TAP terminou esta sexta-feira a segunda fase de adesão a rescisões voluntárias, no âmbito do seu plano de reestruturação, com o qual previa a saída de cerca de 500 trabalhadores. Na primeira fase, deixaram a companhia 690 profissionais. Desde o início da crise pandémica, já saíram da empresa 2400 trabalhadores, segundo informação avançada pelo ‘Expresso’.

TAP Governo economia negócios e finanças macroeconomia economia (geral)
Ver comentários