Barra Cofina

Correio da Manhã

Famosos
9

Icardi ameaça não voltar a jogar e faz exigências a Wanda Nara

Crise conjugal pode ter sérias repercussões nas contas bancárias do casal.
Record 22 de Outubro de 2021 às 12:43
Icardi com Wanda Nara
Wanda Nara
Icardi com Wanda Nara
Wanda Nara
Icardi com Wanda Nara
Wanda Nara
A crise conjugal de Mauro Icardi e Wanda Nara pode ter sérias repercussões nas contas bancárias do casal. O jogador - que foi apanhado pela mulher numa troca de mensagens com a atriz argentina Eugenia Suárez - faz de tudo para ter o perdão da mãe das suas filhas, mas face à resistência da empresária, na Argentina uma amiga de Wanda contou na televisão que o jogador tirou um último coelho da cartola: só volta a treinar ou a jogar no PSG quando ela aceitar três condições.

Icardi treinou esta quinta-feira, mas tem estado fechado em casa. Segundo revelou Yanina Latorre no programa 'Los Ángeles de la mañana', o futebolista agora exigiu à mulher, que também é sua empresária e tem negócios com o PSG, que ambos fechem as respetivas contas nas redes sociais, mas antes Wanda Nara terá de publicar uma foto da família, para acalmar os rumores e mostrar que a crise foi ultrapassada.

Depois de pedir que a mulher abdique da sua profissão de influencer, Icardi quer também que Wanda Nara deixe de trabalhar em eventos, que não realize produções ou participe em programas de televisão. Deseja que se dedique apenas a ser sua empresária, nada mais.

Icardi pretende igualmente que a mulher deixe de viajar sozinha no avião particular, como aconteceu recentemente depois de se inteirar do alegado relacionamento do marido com a atriz. Wanda Nara meteu-se no avião e foi sozinha para Milão.

Será que Wanda Nara aceitará estas exigências? Grande parte das receitas da influencer argentina proveem do Instagram, onde tem quase 9 milhões de seguidores. No mesmo programa dizem que a irmã de Wanda, Zaira Nara, "está indignada" com estas petições do avançado, lembrando que foi o cunhado quem foi infiel.
PSG Mauro Icardi Wanda Nara Eugenia Suárez Argentina desporto futebol crime lei e justiça
Ver comentários